terça-feira, 24 de julho de 2012

Pergunta: "Traição no namoro é pecado ou só no casamento que é?"

Por Carlos Chagas

Esta seção é destinada a responder dúvidas comuns no meio cristão. Algumas delas foram realizadas por visitantes do blog, outras encontradas em pesquisas pela Net e outras formuladas por mim mesmo. Caso queira realizar uma pergunta favor acessar o Fale Conosco. Seu nome será mantido em absoluto sigilo caso assim o queira. Não tome tais respostas como algo definitivo para sua vida. Reflita nelas, pense mais um pouco e peça instrução divina para melhores posturas ante suas dúvidas. E lembre-se: Duvidar de algo, com interesse em aprender mais, não é pecado, e sim uma dádiva. Deus lhe deu um cérebro... para quê?

Pergunta:

"Traição no namoro é pecado ou só no casamento que é?"





Pergunta feita por um leitor do blog que fica aqui no anonimato.

A resposta direta é: Sim, no namoro e no casamento. Vejamos o porquê.

Acredito que nós, seres humanos, somos muito ligados e preocupados com ritos, cerimônias, leis e padrões, nos esquecendo do porquê que cada uma destas coisas são criadas: Salientar a importância das relações entre os seres humanos ou para com Deus.

Por que digo isso? É porque muitos acreditam que a traição só se dá quando algo é oficializado. No caso, muitos acreditam que traição só é traição quando há um papel oficializando uma relação, como se vê no casamento em sua certidão de casamento. Mas vejamos o outro lado: Quando ocorre uma traição no casamento, não é a certidão de casamento que se sente traida, mas sim uma pessoa que se comprometeu ser fiel à outra e a mesma percebe que não foi correspondida. A traição diz respeito e se refere às relações diretamente.

Assim, respondendo à sua pergunta, traição é a mesma coisa tanto no casamento quanto no namoro e essa traição se torna pecado porque é um mal praticado de forma consciente e contra uma pessoa que se torna vítima de quem o faz. O pecado não está desdenhado pela destruição de algo que foi um dia oficializado, como é o caso da traição no casamento, mas sim na maldade praticada com vontade para tal, ao ponto de ferir uma pessoa mesmo que ela saiba ou não do ato. Errar é humano; errar consciente do erro é pecado.

Espero ter respondido sua dúvida.

266 comentários:

  1. então esse pecado pode levar o parceiro que traiu a ficar em disciplina na igreja? ou seja, ele pecou contra o Corpo de Cristo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro(a). Esse negócio de disciplina eu nunca entendi. Já vi gente ir para o "banco" por causa de cigarros e por causa de desvios de dinheiro eu já vi casos em que ninguém foi punido. O fato é que deve-se ter um pouco de censo ao se julgar alguém perante a igreja. Há casos que competem à pessoa e há casos que competem à igreja! Se todos forem punidos por causa de um "pecadinho" que seja então todos sentarão no banco da disciplina porque dos pecadores o maior sou eu!

      Excluir
  2. Que bom que perguntaram sobre isso rs! Enfim Carlos, preciso de um conselho! Sou Cristão, namoro há quase 1 ano. Me apaixonei pela minha melhor amiga, e ela já era apaixonada por mim, até que então contei pra ela sobre mminha "paixão" e ela me revelou a dela. Desde então, nos tornamos mais carinhosos um com o outro.. e teve um dia que eu fui visitá-la, e por falta de auto-controle nos beijamos. Pecamos contra o Corpo De Cristo e devemos ficar "de banco" na igreja? Aprendi a amar ela de um jeito incontrolável... mas tenho minha namorada também! =/ Preciso de ajuda! Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, amar é natural. Ter desejos sexuais é natural. Querer viver do lado da pessoa amada é natural. Mas no Brasil, ter mais de uma namorada ou esposa é algo anormal. Acredito que por agora você deve orar a Deus pedindo melhores orientações e depois pensar no que deve ser feito a partir de então. Ou termina o namoro atual, ou não leve à frente o momento amoroso que nasceu. Ambos não dá e é desrespeitoso.

      Excluir
  3. Esqueci de uma pergunta tb rs... devemos parar de tomar Santa Ceia também?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na Bíblia diz: "Examine-se pois, o homem, a si mesmo..." 1Co 11.28. Eu acredito que o trecho diz respeito à pessoa, mas se analisarmos todo o contexto diz respeito a um grupo de pessoas juntos com seu Deus. Se lhe incomoda evite a Ceia, se não, ceie. E caso sinta que é confiável conversar com alguém de sua igreja faça-o. Mas esta última opção requer critérios. Pode ser que a informação vaze e então tudo pode ir de cabeça para baixo.

      Excluir
    2. Trair meu namorado, e n me arrependo... traí pq acho q ele tbm me traiu! Vingança, aqui se faz, aqui se paga!!!

      Excluir
    3. Você (unknown) está longe da proposta e pensamento de Cristo. Não se vinga o mal recebido. Sempre deve ter lugar para arrependimento. Se você suspeita de algo, primeiro investigue e comprove. E outra: pra quê namorar uma pessoa se você quer o mal dela e vice-versa?

      Excluir
  4. EU AMO MEU NAMORADO! e o trai! não sei como isso aconteceu! não sei mesmo! estou chorando muito ultimamente! Estou sem saber o que fazer! o pior é que eu fiz sem penssar pq meu namorado é lindo, me trata super bem! me ama tbm! acabamos de comprar uma casa! e eu nem sei o porque fiz isso! sou uma levita do senhor! e estou inconformada com essa minha atitude! tomei ceia! e ja pedi muito perdão a Deus, porém tenho medo de ficar quando jesus voltar! e me sinto mal quando eu olho para o meu namorado :/ o que devo fazer? falar p meu namorado? e conversar com o pastor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ridivulo, Você deve mostrar que e mulher de verdade e contar sim ao seu namorado!! Se ele te ama de verdade ele perdoará, Imagina se fosse ao contrario você gostaria que ele escondeçe ???

      Excluir
    2. Tenha em mente que nem sempre contar gerará vida... traição é um dos fatores que mais matam no mundo (crime passional). Antes de orientar alguém a isso deve-se primeiro analisar vários outros fatores. Um aconselhamento pastoral neste caso é a melhor opção. Jamais oriente uma pessoa expondo-a ao risco, pois isso pode gerar a morte.

      Abração

      Excluir
    3. VC sabe quando falar pra ele. Ele possa até perdoar mais não vai ter a. Mesma confiança em VC

      Excluir
  5. Prezada;

    Acredito que você não ficará aqui quando Jesus voltar uma vez que já se demonstra arrependida. Agora é evitar cair no erro novamente. Quanto ao contar para o namorado não sei se isso seria benéfico. Acho que só você e seu círculo de amigos é que poderiam lhe orientar. Quanto à confissão acho válida quando procurada as pessoas certas. Conte o ato somente a pessoas confiáveis. Acho que o pastor deve sim ficar sabendo, mas só se ele lhe inspirar confiança. Quanto ao louvor, se se sentir curada por que sair?

    Deus lhe abençoe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas quanto ao confessar os seus pecados uns aos outros?
      Esconder algo é omitir, e automaticamente omitir é mentir.
      Estou passando pela mesma situação dela, nem me alimento. Mas não por que eu não confessei para ele, ou talvez seja por isso, mas estou mal por ter sido injusta com ele. Também não sei porque fiz isso!
      Não posso falar por que ele jamais me perdoaria.

      Excluir
    2. Nem sempre a omissão ou a mentira é pecado. A mentira é pecado quando esta vem acompanhada da malícia; más intenções. O fato de dizer à criança que o trovão se dá porque os anjos estão arrastando móveis no céu sendo que esta explicação não é verdade faria dessa mentira algo digno de condenação divina? No caso da confissão esse é um conselho bíblico e não uma ordem, além do mais que essa confissão não deve ser praticada sem se pensar sobre os efeitos. A confissão é para a cura e não para a destruição. Aprenda com suas práticas, mesmo que estas sejam erradas. Aprenda com elas e sobre você mesmo também.

      Deus abençõe sua caminhada

      Excluir
    3. Muito obrigada pela resposta imediata!!! E se eles descobrirem e nos questionarem o por que não falamos? Seria uma consequencia bem pior.
      Não somente "confesse seus pecados uns aos outros e orem uns pelos outros." é um conselho e não uma ordem. Tudo o que está na bíblia é um conselho e não uma ordem. Lembra do livre arbítrio?

      Excluir
  6. Por favor Carlos Chagas,
    Você pode comentar, a luz da bíblia, sobre flertar(trocar olhares) com outra pessoa que não é seu cônjuge?

    ResponderExcluir
  7. Posso escrever sim sobre isso. Mas a Bíblia não se preocupa em tratar de namoro e sim em passar uma teologia que explique a relação do homem para com seu Deus. Sendo assim talvez não consiga escrever isso à "luz da Bíblia". Mas tentarei!

    Abração

    ResponderExcluir
  8. Irmão eu trai minha namorada certo? nao queria mais aconteceu arrependi de maisssss amargamente. se eu contar para ela posso perder meu relacionamento. vc acha que para nao adquirir maldição em nosso relacionamento tenho que confessar a ela? ou eu posso pedir perdão só para Deus e nao praticar a infidelidade mais? oq eu faço por favor me ajude.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esqueça essa de maldição se você já se arrependeu. Mas pense na possibilidade de consequências das atitudes tomadas, ou seja, da namorada ficar sabendo da boca de outro ou coisas do tipo. Quanto à confissão penso que seria a melhor opção, mas se isso vai piorar é melhor descartar. Mas o que de fato deve ser feito é abandonar a prática do pecado. Isso sim é que deve ser feito. Abração e que Deus o abençõe!

      Excluir
    2. O que acha dessa opinião, Carlos Chagas?
      "É extremamente incoerente você dizer que quer Jesus como centro de sua relação, pois Jesus não habita no meio da omissão, no meio da mentira. Abra o jogo, se o seu relacionamento for o que Deus quer pra sua vida, ele não irá embora, e se for, Deus tem uma nova pessoa especial pra você começar do zero, sem manchas, sem omissões. Na caminhada do Evangelho, não tem arrumadinho, ou é ou não é."

      Excluir
    3. Opinião de um fundamentalista extremado e resposta simples e não-pensada diante da realidade brasileira do século XXI. O que penso? Vamos lá:

      Se Deus não habita no meio da omissão e da mentira quer dizer que ele não participa deste mundo dotado de mentirosos e omissos. Exemplo de mentirosos e omissos? Eu sou um mentiroso em potencial e em muitas das minhas práticas e um omisso? Quem sabe o ex-papa Bento XVI com seu ouro e sua omissão de alimentar os pobres? Mas este tipo de julgamento cabe a Deus e não a nós! Só me cabe falar!

      Mas em uma coisa concordo: Não é recomendável mentir e se omitir, mas é isso que fazemos... infelizmente. O que nos resta é o pedido de perdão e evitar tais prátuicas.

      Quanto ao "arrumadinho", eu concordo: Namoro de moda é coisa de um não-religioso. Acredito que o namoro serve para aqueles que querem coisa séria. Se não querem então não é melhor nem começar um relacionamento, mesmo que arrumadinho!

      Abração

      Excluir
  9. Olá, boa noite.
    Tenho dúvida a respeito desse texto: "Portanto, não os temais; porque nada há encoberto que não haja de revelar-se, nem oculto que não haja de saber-se." Mateus 10:26

    Isso está relacionado a quê especificamente?
    Á coisas espirituais ou exatamente tudo?
    No caso de uma traição, por exemplo, não ficará oculto por tempo que a pessoa quiser determinar? Se puder me explique.
    Deus continue abençoando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este trecho em específico está em um contexto no qual Jesus escolhe seus doze discípulos e os instrui ao Evangelismo que os quais irão praticar. No vs 26 Jesus alerta para as aparências de seguidores. É como se Jesus quisesse destacar que aqueles que andam com Deus, cedo ou tarde, mostrarão sua verdadeira cara, assim como será também com os seguidores de Belzebu. O que Jesus disse é resumidamente: "Estejam comigo; me imitem e o resto virá à tona".

      No que tange à traição pode sim a verdade vir à tona, mas talvez não. O que você deve se preocupar é em ser verdadeira e se a verdade quiser bater à porta, aceite-a mesmo que doa.

      Espero ter ajudado.

      Excluir
  10. Nossa, ajudou muito! Obrigada.
    Deus abençoe

    ResponderExcluir
  11. Estou muito feliz com o meu namorado, mas o traí a uns meses atrás quando estávamos em conflito (se é que posso chamar de conflito), eu não soube lhe dar com a situação, e acabei me "apaixonando" por outra pessoa.
    Tenho muito medo que ele descubra e a verdade que estamos vivendo agora acabe. Estou muitíssimo arrependida (não é remorso).
    E por conta desse medo, não consigo viver normalmente como antes. Sei que Deus me perdoou e não estou agindo assim por falta de fé.
    É errado pedirmos a Deus que me polpe da pessoa traída descobrir?
    Se ele descobrir, minha vida acaba junto com a descoberta.
    Antes disso acontecer achei que eu nunca seria capaz de fazer isso. Hoje reconheço que preciso me conhecer mais, e pedir a Deus que mude o meu caráter, que o meu caráter se torne cada dia mais parecido com o dEle. E quando aconteceu, eu julgava estar bem com Deus. Que loucura! Se eu estivesse afastada, poderia até dar essa desculpa pelo menos né?!
    Hoje aprendi que não devo cobrar o que eu mesma não sei se sou capaz de cumprir.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou resumir em um conselho: Trate-o como se fosse você mesmo!

      Excluir
    2. Isso eu já venho tentando fazer, ás vezes quando não consigo tratar como se fosse eu mesma, a consciência logo acusa. Isso é péssimo!
      Dá uma sensação de que eu não posso cobrar exatamente nada. Nem aquilo que tenho "direito" de cobrar.

      Quanto a pergunta: "É errado que eu peça a Deus que me polpe da pessoa traída descobrir?"
      Desculpa o incômodo, pelo "desespero"
      Obrigada.

      Excluir
  12. Santo Agostinho uma vez disse que a verdade não era dele e nem sua para que fosse de todos. Acredito que segundo ele pedir a Deus que esconda a verdade do outro é o mesmo que guardá-la só para você. O pecado não está só no ato da traição, mas na mentira e intenção maligna em querer abafar algo ou maquiá-lo para se poupar do erro. Todas as nossas ações geram consequências e as do pecado são as piores.

    Também não quer dizer que deva contá-lo, e nem que não deva. Cabe sim bom critério para a melhor ação. Mas orar a Deus para que o outro não saiba é um tanto egoísta para que Deus atenda ("olha Deus, abafe de seu filho a verdade porque não suportaria... ele não precisa ficar sabendo... que ele continue enganado... mexa os palitos divinos!!!"). Não é estranho?

    Faça o contrário. Peça a Deus que lhe mostre o melhor caminho. Esteja aberta a isso. E se o melhor caminho for o contar a traioção a ele, faça-o da melhor forma. E por fim, abandone a prática deste (e outros) pecado.

    Deus abençõe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pela ajuda!
      Vou seguir os conselhos.
      Que Deus continue te abençoando.

      Excluir
  13. E quando traímos e sabemos que não podemos contar pq vai acabar o relacionamento. E apesar de termos errado amamos a pessoa e queremos viver novamente uma vida de comunhão, como fazemos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oração, jejum, compromisso com Deus e com a pessoa amada são coisas que não podem ser esquecidas neste caso. Contar seria um ato de sinceridade mas nem todos suportariam tal verdade. Talvez esperar seja uma opção assim como não contar. Ore a Deus e peça Sua ajuda. Com certeza Ele lhe dará a resposta.

      Abração

      Excluir
  14. Se eu o trai significa que não o amo? Que todos os meus planos de casar com ele devem ser esquecidos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, de forma alguma. O cair é típico do homem (mulher), mas o levantar cabe a Deus. Desde Adão traímos Deus e mesmo assim é possível retornarmos a ele como uma esposa IMACULADA retorna ao seu Marido.

      Deus abençoe sua caminhada e planos para um futuro a dois sadio

      Excluir
  15. Amado, muito obrigada pelas respostas, não sabes como o Senhor usou vc para confortar meu coração, Deus continue fazendo de vc canal de bençãos. Muito obrigada mesmo!

    ResponderExcluir
  16. Trai meu namorado duas vezes com meu professor, 11 anos mais velho que eu, uma pessoa não cristã, FOI SO BEIJO NA BOCA mas me sinto culpada demais, sou cristã, tenho ministerio e pequei, parece que essa culpa vai me matar, me arrependi muito de verdade porem não consigo cortar o contato com meu professor, a gente dificilmente toca nesse assunto so que ele vive dizendo que sou linda e tals, isso me deixa muito feliz não sei pq, quero me distanciar mas não consigo, NÃO QUERO mais ficar com ele, quero seguir minha vida com meu namorado que amo demais, porem quero ser amiga do meu professor "gato", estou muito errada?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você conseguir manter uma amizade sem nada a mais será bom, mas... se esse "gato" pra lá e "gata" pra cá têm tons acalorados pode fugir que é fornicação na certa. E outra: Se esse professor investiu em você sendo 11 anos mais nova com CERTEZA NÃO ficará só em beijos. Ele quer algo mais. Sou homem e sei disso. CUIDADO!

      Abraços

      Excluir
    2. Eu acredito que você esteja errada sim! Se aconteceu uma vez, você deveria se afastar, pois continuar a "amizade" com ele sem saber se é essa a intenção dele, seria dar uma brecha pra se repetir o erro.
      Saia dessa irmã! Ontem foi só um beijo, amanhã pode ser muito mais que isso. Se você faz tanta questão da amizade dele, continue a amizade, mas termine a amizade e o relacionamento com o seu namorado!
      Abraço e fica com Deus, Ah!!! Ore antes de qualquer decisão.

      Excluir
  17. Por favor me ajude1
    TRAI meu namorado com meu chefe 20 anos mais velho foi somente beijo ... porem ele e meu chefe e querendo ou nao tenho que conviver com ele todos os dias! amo tanto meu namorado quero me casar e ter nossa familia... uma fraqueza da carne... nao sei mais o que fazer nao quero que aconteca de novo... devo me demitir? É UM EXELENTE emprego porem se for necessario o faço! me ajude!

    ResponderExcluir
  18. Prezada;

    Essa resposta se você deve ou não sair do emprego cabe a Deus lhe dar. O que lhe digo é que um erro custa um preço, às vezes caro, às vezes barato. Mas custa. Acredito que a 1ª coisa a fazer é orar. Procure se arrepender (que não é o mesmo que remorso) e procure seguir seu caminho. Se por ventura ficar complicado conviver com seu chefe, comece a procurar um novo emprego. Mas faça tudo com oração, arrependimento e AMOR, que não é o mesmo que PAIXÃO.

    Abraço

    CHAGAS

    ResponderExcluir
  19. Muito obrigado estou realmente arrependida! realmente nao sei por que fiz isso... Amo tanto meu namorado! O que eu temia aconteceu... AFINAL dizia que isso nunca aconteceria comigo como pude ? Como vou conviver com esse erro pro resto da minha vida.... So jesus pra ter misericordia de mim! muito obrigada! Deus lhe abencoe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, fique em paz e deixe o passado para trás! Este fardo que você está carregando Jesus já levou por você.
      Não turbe o seu coração, se você já pediu perdão a Deus e se arrependeu de verdade, não há mais nada que te perturbe, não deixe que o inimigo e sua própria consciência te acuse. Seja livre em Cristo! Isso pode acontecer com qualquer pessoa, independentemente de religião. Agora, é só pedir a Deus que você tenha forças para não repetir o erro.
      Que Deus te abençoe e te dê a paz!

      Excluir
  20. Carlos, boa tarde.

    Preciso de ajuda também. sou cristão, e me preparando para ser um Levita que é um motivo de orgulho muito grande pra mim. mas tenho sido muito falho, principalmente no pecado da carne....

    tenho uma namorada, a 5 meses estamos juntos. comecei a namorá-la quando a conheci na igreja, e estava sofrendo por um relacionamento de 4 anos que terminou. quando comecei namorar essa agora, fiquei ótimo! esqueci da minha ex e minha vida estava ótima! mas ai a minha ex, se converteu, mudou completamente, virou nitidamente outra pessoa, e me procurou querendo voltar, falando de casar etc.isso foi logo depois que fiz uma viagem com minha namorada nova. depois disso, minha vida virou uma bagunça, nao consigo amar minha atual, e nao sei se amo a ex. acabou que fiquei com minha ex, estou arrependido, mas nao sei o que fazer. porque se eu eu terminar e voltar com a ex, vai ser muito estranho na igreja, ja que todos apoiaram muito o namoro atual, pastores, cooperadores, levitas. TODOS. eu gosto dela, tanto que quase terminamos e eu nao quis. mas quando a ex procura me balança muito, nao sei o que fazer.

    Ufa... espero que possa me ajudar.

    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Éééé... essa aí fica meio difícil para mim ajudar porque coração é terra que ninguém pisa. Mas lhe aconselho o seguinte: Antes de qualquer tomada de atitude ore bastante e converse com alguém que é muito (mas muito) seu amigo e que esteja a par da situação. Conselhos de amigos e de Deus são a melhor coisa que você pode ter agora.

      Quanto a sentimento por ambas as pessoas isso é muito perigoso. CUIDADO para não tranferir o que é de uma para outra. Por isso tente esfriar a cabeça e peça a Deus a melhor opção para sua escolha.

      Espero que seja feliz nesta situação. Peço a Deus um cuidado especial para vocês três.

      Abração

      Excluir
  21. Boa tarde Carlos,

    Preciso de orientação. Sou recém convertida e estou gostando muito de me congregar e estudar a palavra de Deus. Por estar cada dia conhecendo e buscando mais estou entrando em conflito no meu relacionamento de 4 anos e meio. Meu namorado é do mundo e tínhamos uma relação aberta no que diz respeito a sexo, mas agora participando da igreja e conhecendo a palavra de Deus vi que isto não é o correto e me sinto mal quando isso acontece. Eu o amo muito e ele também diz ser recíproco. Recentemente descobri uma traição, o que me magoou muito, tendo em vista nossos planos de construir família etc. Ele não frequenta minha igreja e nem quer ir, oro por ele e pelo nosso relacionamento todos os dias. Na esperança de sua transformação, de se arrepender verdadeiramente e aceitar a Cristo. Peço a Deus nas minhas orações sabedoria para perdoá-lo e esquecer, mas tá difícil. Não sei o que fazer, não queria terminar o namoro porque eu o amo bastante, não estou conseguindo confiar nele e nem perdoar verdadeiramente. Se eu conversar com qualquer pessoa do mundo ela vai me orientar a terminar, mas na verdade eu espero pelo seu arrependimento e transformação. O que devo fazer??

    ResponderExcluir
  22. Muito boa tarde minha prezada;

    Bem vinda ao mundo dos "pecadores no hospital". Por que digo isso? Porque não somos santos perfeitos, mas temos potencial para isso. E por que não somos perfeitos? Porque erramos. E por que erramos? Porque não temos a total compreensão do mundo e nem o dominamos como achamos que dominamos. E por não termos total controle ficamos à mercê da vida e suas surpresas. Uma surpresa foi esta para você: Descobrir Deus, seu amor e seu caminho. Descobriu também que há o livre-arbítrio Nele. E Ele respeita isso. Tanto é que você só se converteu porque quis. E isso vale para todos. Suas orações ao seu namorado? Com certeza já fazem efeito, mas nem sempre do jeito que quer. Pode ser que ele se converta, pode ser que ele não se converta. Pode ser que você se desvie. Pode ser que você termine. Tudo está ligado no amor a Deus, no seu tempo, no tempo dele (namorado) e no tempo de Deus. E aí, minha amada, é que começam os desafios. Algo tão triste e doloroso, mas, ao mesmo tempo, tão educacional e tão bacana, que se compreendido em seu todo, lhe fará ser mais dedicada à obra de Deus e amante Dele.

    Acredito que até agora, em sua cabeça, a pergunta ainda ecoa: "E então, devo ou não terminar com meu namorado?". A resposta é "não sei"! Cruel não é? Mas é assim no Reino. É assim que você aprenderá a crescer! Comigo eu precisei terminar com minha namorada pois senão eu terminaria com Deus e depois ficar quase 6 anos sem sequer procurar uma namorada para a limpeza de minha mente pervertida. Já meu amigo teve a sorte de ter sua amada convertida e hoje vivem juntos!!! Cada um tem sua experiência. Mas lhe dou dicas que servem para todos:

    1- Continue orando por ele (sempre)! Oração nunda é demais;

    2- Ore sinceramente com Deus. Não estacione em sua caminhada. Quanto mais você buscar de Deus, mais Ele tem pra lhe dar. E talvez nessa busca estará sua resposta ( que não trará dores eternas, talvez, momentâneas);

    3- Não se preocupe com o futuro. Preocupe-se com o agora. Se se você ama a Deus e viu que é necessário o término do relacionamento faça isso da melhor forma (como amigos);

    4- Caso ainda dê para aguentar com o relacionamento sem se comprometer, continue. Ele também precisa conhecer Deus!!!

    5- Se há pecados no meio de vocês, corte-os radicalmente. Principalmente os pecodas referentes a sexo. Estes devem ser cortados de forma radical porque são extremamente destrutivos. Veja José no Egito. Fugiu, deixou a capa e depois ainda sofreu. Acredito que poderia ter sido pior se consumado o erro.

    6- Não tenha medo ou tristeza. Você verá que com Deus a vida tem cores!!!

    P.S.: Recentemente fui diagnosticado com depressão e confesso que estive no "inferno". Contudo, por estes dias, parece ter sido curado porque voltei a buscar Deus da mesma forma que antes!!! Agora vejo cores!!!

    Um abração para vocês dois e oro aqui a Deus para que Ele pegue na mão de ambos e os façam conhecer o que é o Reino Dele! Lhe adianto: É lindo!

    Att

    CHAGAS

    ResponderExcluir
  23. Ola boa tarde! Não sei nem como começar a explicar.Vou tentar.
    Sou um jovem de 22 anos e sou cristão.
    Eu tinha uma namorada que agente se acariciava, mais não estava mais dando certo e eu terminei com ela, pois eu sempre achei que se eu não gosto mais dela é melhor terminar porque vou ficar propicio a trai-lá, foi oque eu fiz terminei. Agora estou com uma menina que tem 17 anos, eu amo ela, mas não temos caricias até porque ela é nova.Bom eu comecei a sentir falta das caricias e sempre me controlo pra respeitar minha atual e não força-la a nada e nem procurar outra mulher pra me satisfazer.

    Mas agora começa o meu desgosto, eu conheci uma menina pela internet que mora perto do meu bairro, eu me encontrei com ela só por curiosidade, nos encontramos num lugar publico.Mas na hora eu não sei oque aconteceu, não conseguia mais pensar e acabei ficando com ela ali na rua, trai minha namorada.
    Não sei oque fazer, ninguém sabe só MINHAS amigas que moram em São Paulo, e eu moro no RJ.
    To me sentindo mal, eu nunca quis trair, errei contra o Espírito Santo e contra minha namorada, to me sentindo um lixo humano,não paro de pensar na besteira que fiz. Não sei se conto a ela ou deixo essa situação pra lá, já me humilhei perante Deus.
    Meus pai é Pastor e minha mãe é Pastora, eles vão me crucificar, a família dela vai querer acabar comigo, sou influencia pra muitos jovens aqui na igreja.
    Gente me ajuda não sei se consegui explicar direito!

    ResponderExcluir
  24. Prezado;

    Primeiramente calma. Em segundo lugar se você se arrependeu do erro não cabe a um cristão ( ainda mais líder/pastor) "acabar" com você, uma vez que o perdão é maior que a destruição e é o ideal do Reino de Cristo.

    Agora seu erro atraiu as consequências. Uma delas é o remorso e a dor de sempre lembrar do ato e, com isso, prejudicar seu relacionamento. A outra é a dúvida de como agir e, quando agir, o que é que vai acontecer.

    O que fazer agora? 1º: Ore a Deus. Seja sincero e pense "no daqui para frente". Se se você arrependeu mesmo agora é do presente para o futuro. Não remoa o passado. 2º: Após expor suas dúvidas e opções de ação, peça a Deus para que lhe mostre o melhor caminho a ser tomado e conforto para caminhá-lo. 3: Vá nele e não peques mais. A curiosidade matou o gato.

    Há a possibilidade sim do término de seu namoro assim como a restauração do mesmo. Tudo pode acontecer, desde seu tropeço para o erro eterno como uma grande lição que se transforma em grande fase de vida cristã! Pense nisso.

    Abração e sucesso

    ResponderExcluir
  25. Muito abrigado por suas palavras, me ajudaram muito!
    Que Deus te abençoe homem de Deus. Obrigado mesmo! Agora já sei que rumo tomar da minha vida, ficou a lição pra mim não errar de novo.

    ResponderExcluir
  26. Eu traí minha namorada que é benção de Deus na minha vida. Somos do louvor, e desde que cometi esse ato que eu mesmo colocava na minha cabeça que nunca faria algo assim, eu fiz...e com minha ex namorada (que namorei antes de me converter. Existe uma atração muito forte com essa ex namorada, e o fato da minha namorada ser uma pessoa correta no que diz a respeito de namoro, eu acabei covardemente indo para os desejos da carne sem pensar...e cometi a catástrofe. O problema fica maior quando essa minha ex namorada fala que um dia ela vai ficar comigo, que sou a pessoa certa que Deus confirma a ela. E sinceramente, eu não iria querer namora-la pelo fato dela não viver o evangelho da verdade, ela diz com a boca, mas não é o que se vê, em suas vestimentas, seu modo de falar, ela é sempre muito sensual...O pior é que eu não sei como agir com minha namorada, eu sinto que não gosto dela como ela gosta de mim. Eu tentei esquecer minha ex, fiquei muito tempo sozinho e resolvi tentar um namoro com minha atual namorada. Estamos pouco mais de 1 ano. Essa traição não tem 1 semana. Estou muito mal. Pois sei o quanto estou longe de Deus mesmo indo a casa dele. Não consigo gerar arrependimento verdadeiro, meu temor já não existe mais. Minha namorada me contou ontem que teve um sonho em que eu terminava com ela e namorava com outra pessoa. Ela disse que isso começou pelas redes sociais...Meus Deus...foi isso que aconteceu. Seria um sonho de Deus a ela revelando o que estaria por vir ou um alerta para mim? Porque eu sinceramente não quero namorar uma pessoa só pela carne e ficar constantemente brigando pelas vestimentas da outra pessoa, modo de falar e agir, apesar de conhecer a sinceridade dela de viver para Deus, ela nunca consegue se manter firme...assim como eu oscilo bastante. Poderia trazer alguma palavra a luz da Bíblia para minha vida? Estou distante de Deus mesmo no templo. fica na paz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Situação complicada mesmo. Com certeza. Tente avaliar sua postura com sua namorada: Você a quer mesmo para SEMPRE? Se fosse para casar, você casaria? Avalie com tempo, paciência e atenção. Caso não seja o que espera termine logo antes que isso acabe com sua vida, nome e com seu meio social. Se isso chegar aos ouvidos de sua igreja isso detonará seu ministério. Se já não detonou. Quanto sua ex, procure analisar se ela traz futuro (em todos os sentidos!!!). Já passei por situação parecida e tive que ficar mais de 7 anos sem namorar e sem sequer pensar em outra por "amar" demais a ex, que não seria a melhor opção para mim.

      Assente a poeira. Tenha frieza nas suas escolhas. A oração a Deus não trará a solução de "bate-pronto", pelo contrário, trará os caminhos que podem ser tomados e que destinos cada um terá. Escolha o melhor e seja feliz. Não fique olhando para trás, isso não é bom. Siga em frente e honre quem está contigo. Evite inimizades, mas se isso é impossível toque seu caminho e deixe a outra pessoa tocar o dela. Vá e não peques mais.

      Abração e sucessos!!!

      Excluir
    2. É cara, vc tocou em um ponto crucial, eu não penso em me casar com ela. Tentei esse relacionamento para ver no que dava. Tentei gostar dela durante o namoro mas não vem esse sentimento para se pensar em casamento. Diferentemente dela. Ela gosta muito de mim....quanto minha ex namorei antes de me converter, e desde q terminamos eu voltava a ve-la mesmo ela namorando. Depois q me converti tomei a decisão dificil de cortar contato....foram muitas indas e vindas. Domingo con:versei com o pastor disse q vou falar com ele. Vai ser amanha. Terça feira....não sei se conto pra ele da traição. Temo ficar exposto. Mas preciso mudar meu carater...Obrigado pela resposta. Que Deus ilumine seu caminho sempre.

      Excluir
  27. Preciso de um conselho do caro irmão. Namoro a 2 anos com uma mulher que eu amo, nunca a traí, a minha maior vontade é me casar com ela, mas ambos somos jovens e estamos no inicio da faculdade ou seja, sem condições de montar uma família no momento. Ela é do tipo super-independente, não deseja casar antes de se formar e trabalhar, o que vai demorar em torno de 4 anos ou mais. Ela consagrou a virgindade desde os 12 anos de idade para o matrimonio, hoje ela tem 20 e eu 21. Eu a respeito e apoio muito sua decisão. Mas como ocorre com todos os casais, começamos a ter mais intimidade e com isso desejos sexuais. Eu não quero que ela quebre a promessa que fez à Deus e eu também não irei trair ela por sexo. Mas cada vez que a gente fica junto a paixão arde e fica mais difícil se controlar. Gostaria de me casar com ela agora mesmo por que a amo e pra nos livrar dessa vontade culposa... Mas é impossível e inviável hoje. Creio que 4 anos sem fazer amor com a pessoa que eu amo é torturante de mais. O que fazer?

    ResponderExcluir
  28. Meu caro;

    Ou se casa, ou se não tem paciência separa ou então faça como eu quando solteiro: Quando a situação ficar "quente" demais saia às pressas... era a única coisa que eu fazia e que deu certo... é sofrido mas não tem muito o que fazer não. Minha esposa ri disso até hoje mas funcionou!

    Que Deus lhe dê a Graça

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado irmão. Separar dessa mulher eu não vou, casar só daqui a um tempo. Acho que vou ter que ficar no banho gelado pra esfriar o sangue mesmo rsrs... 2 anos ja se foram, agora só mais alguns. Que Deus o abençoe grandiosamente e que lhe dê ainda mais sabedoria. Até...

      Excluir
  29. Eu estou noiva e tenho um relacionamento a 3 anos, trai meu noivo com um amigo, foi só beijo, estou arrependida, porém não tenho coragem de contar para ele, porque ele não vai aceitar casar comigo, já que estamos prestes a nos casar, eu entendi isso como um levante do mal, eu cai na tentação, porque o mal não quer que nós fiquemos juntos, mas eu tenho muito medo que ele descubra e estou muito triste, mas não consigo contar a ninguém confiavél, e eu quero me casar com ele. Tenho outra dúvida, no dia em que Jesus voltar todo mundo verá esse meu pecado e toda a minha vida em um telão? Ai meu noivo vai descobrir?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ore a Deus e peça discernimento para sua postura. Acredito que as respostas às duvidas de outros logo acima lhe ajudarão. Leia algumas. Quanto ao "telão", não se preocupe com a vergonha e sim com a retidão que se deve seguir e viver. Naquele dia Jesus virá para o conserto e não para acusação. Virá colocar ponto final onde só se tem vírgulas. Ninguém terá tempo, prazer ou vontade de conhecer os erros dos outros pois estará muito ocupado com os seus.

      Abração

      Excluir
  30. Carlos, estou me apaixonando por uma pessoal que é noiva. No começo eu evitava por causa da situação dela, mas aceitei sair e nos beijamos! Sinto que ele também gosta de mim. Mas minha consciência pesa e acho que é o Espírito Santo me mostrando que estou errada! Como lidar com essa situação e qual a melhor forma de colocar um ponto final? Ah... sempre fui crente, e tenho consciência do meu pecado, Deus me perdoa mesmo assim?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, se essa pessoa gosta de você pode ter certeza que é algo apenas corporal; erótica, pois se gostasse de uma forma mais integral ela não continuaria com seu noivado, que já se demonstra fracassado.

      O que você tem que entender é o que José do Egito fez: Quando ele percebeu que poderia se envolver sexualmente com a mulher de Faraó ele não pensou duas vezes. Correu antes que o sentimento criasse um laço. Assim é com as questões eróticas. Não se pode pensar muito e nem se relaxado. A postura deve ser firme e mais racional.

      Quanto ao perdão sempre há para estes casos, uma vez que pecado é o mal praticado de forma consciente. Mas o perdão só vem com o arrependimento e este é um processo lento.

      Que Deus a abençoe

      Excluir
  31. Olá, namoro há 4 anos e há uns 2 anos eu comecei a conversar com um colega do trabalho. Ele sempre me elogiava e como estava passando por uma crise no namoro, comecei a ficar confusa. ele me cercava, mas eu apenas conversava com ele. No entanto duas vezes ele me chamou para voltar para casa com ele, na primeira pegou na minha mão e fez carinho, mas chegou meu ponto e desci do ônibus. Na outra vez que voltei com ele para casa, voltamos a pé, passamos por uma rua e ele cismou que eu devia um abraço a ele, o abracei, mas pedi para ele me soltar, fiquei meio desconcertada, pois como disse estava confusa, mas então ele beijou meu pescoço, eu fui fraquejando e pedi novamente para ele parar. Considerei um erro grande, desde que aceitei voltar para casa com ele, nesse mesmo dia, ele quis me beijar, mas eu desviei e não quis beijá-lo, empurrei ele de uma vez e disse: Vou embora! e fui, depois disso só falo oi com ele. Nunca contei isso para meu namorado, mas me arrependi, pois mudei de atitude e nesses dois anos que passaram não puxei nem mais conversa com ele, disse que agi errado, principalmente com Deus e com meu namorado, ele disse que eu era muito madura. Eu pedi que ele esquecesse essa história, ele disse que tudo bem.
    Ainda me sinto meio mal, não só por não ter contado ao meu namorado, mas por ele não merecer, apesar dos erros dele comigo, até porque ninguém merece ser traído mesmo sendo ruim, o que não é o caso dele.
    Me traga uma palavra sobre isso, pois eu sei que ele jamais aceitará isso. E passamos por tanta coisa, tenho certeza de que o amo.
    Me ajude, Deus tem algo a me dizer através de você Carlos?
    Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha cara;

      Acredito que nem tudo deve ser dito aos outros, até porque ninguém suportaria a verdade nua e crua. Isso se dá porque somo imperfeitos em atitudes, pensamentos e desejos. No seu caso, acredito que se houve arrependimento por sua parte já não preciso mais nada. Você está fazendo o certo evitando tal constrangimento. Parece ser errado evitar um amigo, mas se a aproximação com o mesmo torna (ou tornará) sua vida um inferno melhor evitar mesmo.

      Entretanto, se se sentir incomodada ainda com isso ore com sinceridade a Deus e peça a Ele que trabalhe seu coração para uma ação a ser tomada e, se caso, sentir a vontade de conversar com seu namorado faça. E se ele não aceitar tal coisa lembre-se da pureza de suas ações. Nem sempre ser puro é sinônimo de ser aceita. Jesus é o mais puro e ainda não é aceito por todos.

      Deus a abençoe

      Excluir
  32. eu cheguei a trair minha namorada , mais estou me sentindo mal do mesmo jeito oque eu faço?

    ResponderExcluir
  33. Procure o arrependimento, ore a Deus desabafando e, se necessário, chore para descarregar a tensão e procure não pecar mais.

    ResponderExcluir
  34. Olá irmão , trair meu namorado só temos 3 meses juntos logo é o noivado . me sinto mal , sinto-me suja nojo de mim mesma é como se eu não merecesse ele . não coloco a culpa do meu pecado nele mais últimamente ele tem sido diferente é me trato mal , é como se ele tivesse ao meu lado mais distante , ele teve um relacionamento muito conturbado de 3 anos om uma moça da igreja era muitas brigas ciumes agudo , até que terminaram , poderem no começo do nosso relacionamento ele terminou comigo falou coisas horríveis , depois ele se arrependeu me pediu perdão eu o perdoei mais logo depois ele terminou de novo , e então bagunçou tudo novamente ficamos amigos e então voltamos a ser namorados . quando voltamos vir algumas conversas dele com uma amiga onde falava que "sentia desejos sexual" pela ex "que gostava pouco de mim" e muito mais dela.. Irmão depois que vir essas conversas , depois que ele voltou pediu perdão terminou e depois voltou isso me fez gosta menos dele , é como se não tivesse mais confiança segurança. não posso conta que traí ele , em uma conversa ele já tinha me falado que não perdoaria uma traição , eu não sei oque fazer . estou arrependida mesmo com isso que fiz , não consigo falar com Deus estou com muita vergonha , chego a pensar que nunca vou consegui mudar . moço me ajuda me diz oque fazer .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Primeiramente não há nada a esconder de Deus porque Ele já viu tudo. Ficar sem orar porque você está com vergonha chegar a ser bobeira porque Ele já viu, já sabe o que você fez e sabe o que você pensa. E a oração é o pulmão de um cristão. É na oração que conseguimos aliviar nossa tensão. Serve como catarse e ajudar a nós mesmos enxergarmos um caminho melhor. Até a psicologia recomenda tal prática.

      E quanto a que medidas devem ser tomadas são as mesmas que recomendo a todos:

      1- Orar e se arrepender (Parte você já fez);

      2- Buscar não errar mais;

      3- Pedir orientação divina para o futuro que você pode, deve ou vai caminhar;

      4- Se desvencilhar da culpa. Se for necessária a confissão do erro para o namorado faça. Mas só se isso não gerar uma situação pior como risco de vida ou coisa do tipo. Caso venha terminar o namoro tenha paciência e aceite a situação. Isso será bom para você;

      5- Procure desabafar com alguém de extrema confiança. Isso alivia muito.

      Deus a abençoe na caminhada

      Excluir
  35. Ter sexo com outra pessoa sem envolvimento emocional é pecado? Amo meu/minha marido/esposa mas adoro fazer sexo com outras pessoas. O sexo poderia ser considerado como uma terapia corporal, como massagem por exemplo?

    ResponderExcluir
  36. Caro anônimo, não recomendo tal prática. Pratique o Evangelho de Cristo como terapia para o corpo e para a alma. Abraços

    ResponderExcluir
  37. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. PREZADA, É como eu sempre digo, Deus não escolhe seu marido, mas lhe indica os caminhos. E um caminho já se dEsdenha. Ore a Deus por uma estratégia pistas a reversão do quadro e se intere da situação. Seja crente mas seja também racional. Casamento é coisa séria.

      Abraços

      Excluir
    2. Escrito no celular. Estou sem net, sem PC e sem previsão de retorno a normalidade.

      Excluir
  38. Mto obg pela resposta Carlos, como escrevi muita coisa, peço que apague por favor meu comentário, acho que não tem essa opção para mim apagar!

    Abraço

    ResponderExcluir
  39. Sempre estive em oração quando estava namorando com meu ex para que Deus sempre nos protegesse de qualquer mal. Meu ex foi pra uma festa e me traiu, no dia seguinte ele me confessou que tinha feito isso e dias depois veio me pedir perdão pelo o que fez e me pediu pra perdoa- lo voltar porque ainda me ama muito e disse que foi por impulso. Será que eu volto? Eu o amo. Mas será que isso não foi algum sinal de que eu deveria seguir em frente por que ele não é o melhor pra mim? Ou será que foi obra do maligno pra eu deixar ele?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esta resposta só Deus pode lhe dar. Mas se foi obra de Deus ou do Diabo é algo um tanto quanto complicado de se dizer. O fato é que aconteceu e que servirá para você e ele nos dias presentes e futuros. A experiência nos ensina muito.

      Percebo também através dos comentários que muitos têm o dom do perdão mas muita dificuldade de pô-lo em prática devido ao tabu que a sociedade criou. Pecar todos pecam e é fato que alguns pecados são por demais pesados a nós. O que nos cabe é aprender a perdoar e, se possível, caminharmos juntos. Mas só se possível e pelo bem. Se se dá para perdoá-lo (la) sem se comprometer ou se prejudicar tente. Por que não?

      Abraços

      Excluir
  40. Meu namoro tem 4 anos, estamos noivos e vamos no casar no final do ano. Acontece que a 2 anos atras, eu traí minha namorada, em um momento difícil da minha vida. Me arrependi muito do que fiz e desde então não tive vontade de fazer mais nada de errado contra ela e isso foi quebrantado na minha vida. Acredito que todos estão sujeito ao erro, mas isso não pode servir de desculpa. Acabei contando pra ela e foi difícil, mas acredito que foi, e é o certo a se fazer. A partir de então meu relacionamento mudou e melhorou muito. Quando é da vontade de Deus creio que o melhor acontecerá para ambos os lados! Abraços

    ResponderExcluir
  41. Meu namorado me traiu! Agora ele chora arrependido, não só pela traição, mas também pelo ato de desonestidade que nem prefiro citar aqui. Ele diz que está arrependido? O que faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria Aline;

      Perdoe. E depois analise se dá para voltarem a ficar juntos ou não. Mas perdoe se de fato ele lhe pediu perdão.

      Excluir
  42. Varao a paz estou noivo e por diverssas vezes trai minha noiva fazendo sexo com outras pessoas mais ja me arrependi mto.. Se eu pedor perdao a deus somente e nao a contar tenho a salvaçao?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembrando que arrependimento é a vontade de não mais praticar tal coisa e que é a busca de melhoria naquilo que antes era prejudicado pelo pecado você pode sim viver sem a confissão de seus erros a ela. Mas se isso lhe incomoda muito ore com sinceridade a Deus e seja sensível às palavras Dele. Faça jejum pela causa. Caso não entenda sobre jejum, leia meu artigo sobre o assunto. Ele é bom.

      Abração e sucesso

      Excluir
  43. Varao a paz estou noivo e por diverssas vezes trai minha noiva fazendo sexo com outras pessoas mais ja me arrependi mto.. Se eu pedor perdao a deus somente e nao a contar tenho a salvaçao?

    ResponderExcluir
  44. namoro faz um tempo, e acabei beijando outra pessoa, mas me arrependi amargamente pois não sei o pq isso aconteceu, ja faz um tempo que isso aconteceu, ja pedi muito perdão a Deus, mas o ato de beijar tem o mesmo peso do q o de ter relações? devo contar para minha parceira o ocorrido?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Traição é traição, seja beijando, seja transando, seja desejando no coração. Mas cada forma tem seu peso. Todavia, todas são pecados.

      Excluir
  45. Olá, irmão!
    Tenho um relacionamento de 3 anos e estou noiva a 1 ano, casamento marcado. Fui traída pelo meu noivo algumas vezes há algum tempo atrás (traição sexual), até que descobri por uma determinada situação, sendo confirmada e confessado por ele depois. Segundo ele, ele se arrependeu de verdade, orou muito ao Senhor para que eu descobrisse antes da gente casar, pois não queria levar esse fardo para o casamento, mas também não tinha coragem de me contar. Não negou em nenhum momento e acredita que o fato de eu ter descoberto tenha sido resposta de suas orações negando que isso seja um sinal de que não devemos casar. Eu perdoei, pois não consegui ignorar nossa história e estou em paz com minha decisão, mas, de vez em quando, sou perturbada com a dor que ele me causou e me sinto insegura que isso venha acontecer no casamento. Escuto sempre das pessoas que "quem trai no namoro, continuará a trair no casamento". Será que sinto essa insegurança por ainda ser recente ou porque não perdoei de verdade? Acredito ter liberado perdão, mas é possível nos enganar sobre termos ou não concedido o perdão?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha querida;

      O fato de você ter perdoado ele não quer dizer que você apagou o seu passado e que o mesmo não irá assombrá-la. Perdoar não é anular a história. Perdoar é dar uma segunda chance. Agora, o fato de se dar a segunda chance com receio é normal e consequência do erro do outro.

      Quanto a se casar: Pense, ore e decida. Essa decisão é para o resto de sua vida. Tente imaginar toda a sua vida com um homem ao seu lado. Mas não pense apenas na questão de traição, mas em todas as áreas de sua vida, desde a fazer uma compra de sacolão, a passear com seu filho na praça perto de casa como também se um dos dois, por infelicidade, sofrer com uma doença grave ou uma situação pesada. A fidelidade nunca deve ser pensada apenas no âmbito do desejo sexual. Fidelidade tem a ver com confiança em outros aspectos também.

      Deus a abençoe e ilumine sua escolha, desde agora como para sempre.

      Excluir
  46. Ola pastor, sou casada a 8 anos e com 7 anos de casada trai meu marido e a pouco tempo minhas cunhadas irmã dele descobriu , elas são cristã e disseram q não contaria nada a ele ,meu marido jamais aceitaria ele disse q se um dia tudo isso acontecer ele mataria a mim e a pessoa nem q é isso acabasse com a vida dele vou me batizar na igreja ,mas me sinto mal ,muito arrependida ,não durmo mais direito nem me alimento so penso nisso estou me acabando, fiquei tranquila por elas não contarem mas nunca pastor mesmo q chegue isso no ouvidos dele confessarei a verdade ele é muito violento seria uma desgraça na familia por um erro meu .estou orando jejuando ,mas minha própria consciência me condena ,minha alma esta aflita a angústia toma conta de mim ,o que faço pastor ....posso me batizar mesmo assim ? E se ele souber é eu mentir , mentir ate o fim na volta de jesus ele me perdoaria ? Mesmo q mentir para não acontecer algo pior ? Me respo da por favor .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezada;

      O batismo é para arrependimento e pelo que vi você já está arrependida. E isso é bom.

      Quanto à confissão a seu marido parece que tal coisa não será positiva já que uma vida ou duas pode ser o preço de tal confissão. O que lhe oriento é que se firme na oração com mais pessoas (se possível com as irmãs dele também) para que você possa vencer este mal.

      Quanto à sua consciência lhe acusar lembre-se que isso é ruim e provavelmente é o maligno lhe jogando "setas". Não dê lugar a isso. A oração lhe ajudará a vencer tal luta. Lembre-se que oração é conversa e não um mantra. Desabafe, peça, escute. Tenha paciência e amor. Isso se resolverá em Cristo.

      Pode batizar sim, mas lembre-se que o batismo é sua confissão pública de fé que você faz à sociedade dizendo à mesma que está apta a seguir a Cristo daqui por diante. Que sua mente seja a Dele.

      Qualquer dúvida pode retornar aqui ou no email ok? (carloschagas82@hotmail.com

      Abração

      CHAGAS

      P.S.: Não sou pastor, apenas um servo seu

      Excluir
  47. Paz! Sou uma jovem tenho 21 anos, estava em um relacionamento a 2 anos e 3 meses, um casal de dar inveja a muitos, nos amamos e ele me demonstrava o quando mim amava.estávamos noivos construindo uma casa e pensamentos futuros no casamento, E descobrir Muito rápido uma traição coisa de 1 dia, indo fiquei muito triste e sem chão,contei para meus pais e estava certa de nunca mais querer algo com ele, jáh fazem mais de 3 meses que acabamos, ele ainda ñ desistiu,mim pede perdão, fala pras pessoas q mim ama e está arrependido e q foi coisa do inimigo para destruir nosso relacionamento,Confesso que o meu amor por ele é o mesmo, só que com muita tristeza e angustia pelo q aconteceu ñ sei o que faço ainda o amo,mais o medo de sofrer de novo é mais forte que eu :( penso q foi algo que Deus dez pois ele não é a pessoa certa pra mim, Tantas coisas passam por minha cabeça, recebo muitos conselhos para esquecer ele, que Deus tem algo melhor pra mim, quem trai uma vez trai e outras. Não sei o que fazer mim ajude! Obg

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Começo lhe dizendo que traição todos estão, em potencial, sujeitos a praticarem. Esse negócio de "quem traiu trairá outra vez" é perda de tempo conjecturar, pois se a ideia contrária fosse válida (quem nunca traiu nunca trairá) ele jamais teria te traído.

      Quanto aos sentimentos é normal você não querê-lo mais. Entretanto esse sentimento irá mudar com o tempo. Resta saber se mudará para o desejo de tê-lo novamente. Já no quesito de voltar para ele requer critérios bem avaliados e de responsabilidade sua. Por exemplo, você começou um relacionamento com ele julgando por critérios de que ele merecia seu amor. Você não começou do nada. Da mesma forma, você não poderá retornar a ele sem certos parâmetros, até porque a vida é dinâmica e seu processo de ensino é por uma espécie de manipulação. O que eu quis dizer? Que se você voltar a ele só porque quis, mais à frente ele poderá lembrar disso (dessa volta) e perceber que o que ele fez de errado foi perdoado por você facilmente. Logo, ele pode fazer sim mais coisas esperando um perdão fácil. Mas também pode não acontecer isso. Mas o certo é você prová-lo. Ele tem que demonstrar digno de receber seu amor novamente.

      Finalizando, não reate um relacionamento sem consertar o que o prejudicou. Num casamento, por exemplo, problemas surgem e devem ser consertados o mais rápido possível, senão este deixa de existir. Namoro e noivado também são assim. PRECISAM DE TRATAMENTO PARA CORREÇÃO DOS ERROS. Isso é papel de pessoas adultas.

      Sendo assim, ore a Deus e busque forças Nele, pois vão encontrar. Voltando ou não para ele, perdoe-o e sigam o Perfeito Caminho.

      Abraços

      Excluir
  48. Boa tarde , to com um problema , eu estou namorando a 6 meses eu amo dms minha namorada ela me ama dms tbm nosso namoro é um namoro criatao , antes de namorarmos nos dois cortejamos e Deus abençoou a nossa uniao e de repente e apareceu uma menina , começei a conversar cada vez mais com ela , comecei a gostar dela e quero mt ficar com ela oq faço ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simplesmente fuja. Evite conversar com ela senão tropeçará.

      Att

      Chagas

      Excluir
  49. Quando coNheci meu atual le ficava com uma menina, ele me pediu em namoro pedi um tempo pra pensar, ai conheci outro rapaz que tbm me pediu em namoro, diante disso falei pra ele q n dava mais pra gente ficar. Ai meus pais nao me deixaram namorar esse rapaz, n lembro como mas deixamos de nos ver. Ai ele me mandou um recado dizendo que eu decidisse se queria ou nao namorar com ele, pq se eu n quisesse tinha quem quisesse. Aceitei, ele deixou de ficar com a menina, hj estamos juntos ha seis anos e me pergunto: sera que vou pro inferno por conta disso, devo separar-me dele? O q faço?
    Obg!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não. Você não vai pro inferno por causa disso. Uma vez arrependida e, após o pedido de perdão a Deus, Ele não a condenará pois está escrito em 1Jo1.9 "Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça".

      Ore a Deus pedindo perdão de seus erros caso não tenha feito. Tenha fé que você já recebeu o perdão e torne não praticar tal maldade.

      Abração

      Excluir
  50. Tenho 5 anos de namoro e descobri que a minha namorada me traiu com um homem casado, de acordo com o que ela diz, foram só beijos e amaços, mas foi uma traição (3 vezes). Somos músicos, levitas, e ela disse que se arrepende muito, ela me contou tudo, não sei se ela deixou o erro por arrependimento ou porque o cara foi embora... Eu a perdoei, e apesar da grande dificuldade, perdoei o outro também, pois se não, não conseguiria viver em paz comigo (ele disse que também se arrependeu, mas tenta ligar pra ela e riu de mim, por ela ter ficado com ele), porém, os pensamentos não param, as imagens dos dois juntos, o medo de acontecer outras vezes, a incerteza, a baixa auto-estima, e tenho medo do que vão dizer sobre mim se a conversa se espalhar, não me vejo sem ela, pois fiz planos, sempre com ela, mas tenho medo de não ser bom marido por causa disso, deixar a raiva me dominar... Ela está com medo de voltar a tocar e estar em pecado, quer conversar com o pastor, mas tem medo de me expor... Não consigo louvar a DEUS de coração, pois há muita amargura em mim... Não toco nela desde que soube toda a verdade, a abraço, e sempre tento mostrar consolo e perdão da minha parte e da parte de Deus para conosco... Apesar do meu sofrimento, tenho que ser forte para consolá-la para que ela não desista de Deus e da vida... Estou perdido...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro;

      Sei que é uma barra pesada que você tem carregado. Ser traído é doloroso e perdoar do jeito que você fez é mais ainda. Agora estes sentimentos em você devem ser vencidos e se você não consegue sozinho sugiro você conversar sim com um grande amigo e irmão em Cristo (amigo mesmo, de confidências, e irmão em Cristo porque ele entenderá suas iniciativas) e se ainda estiver com problemas tente um psicólogo. Tenho certeza que Deus está contigo nessa pois é a extrema vontade Dele o que você está fazendo.

      Sinta-se à vontade de se abrir para sua namorada, sobre o que você está passando. Ela também tem que ver o que fez. Tudo bem que ela arrependeu, mas se ama, ela tem que assumir as consequências da traição. Isso será para crescimento de ambos e especialmente dela e do caráter.

      Deus o abençoe e obrigado por este gesto seu, pois me mostra o quão belo é Jesus!

      Estou orando aqui por vocês!!!

      Chagas

      Excluir
  51. Boa noite!
    Namoro há 1 ano, tenho 17 anos, e ela 16.
    Em uma viagem com o colégio, fomos a uma exposição, só que em ônibus diferentes. Tem uma garota que ficou me "tiçando" a viagem toda, quanto na de ida, quanto na da volta. Na volta, me deixei levar pelo desejo, e ela me beijou, ou idem nós dois, não sei explicar direito. Isso faz uns 3, 4 meses, estou me sentindo muito mal, apesar da idade, fazemos planos juntos. Peço perdão a Deus todos os dias, pra que Ele me de conforto na mente e no coração. Não quero perder ela, construímos uma relação bonita, gosto muitoda família dela, e a minha também. O que devo fazer?
    DEUS te abençoe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro;

      Acredite no perdão de Deus. Falta só você aceitar este perdão. Vá, e não peques mais!

      Abração e sucesso para vocês dois!

      Excluir
  52. Todo os dias que me levanto a primeira coisa que vem na minha cabeça é isso /:
    Fico me culpando severamente, tenho medo de trazer maldição pra minha vida. Minha mente e meu peito tiram a minha paz, definitivamente! Ore por mim por favor, porque estou me sentindo um dos piores caras, foi um beijo, logo em seguida vieram as consequências, consciência mais que pesada, nem me alimento mais direito! Carlos espero que Deus te use para uma boa resposta, pois preciso da ajuda Dele.
    Desculpe o incomodo, Deus te abençoe.

    ResponderExcluir
  53. Caro Pastor. Namora há 7 anos e amo minha namorada. Mas tive um momento de loucura e acabei ficando com um homem. Não sei porque fiz isso. Nao sei o que me.levou a isso. É como.se eu não tivesse controle sobre o que eu fazia. Foi pavoroso, horroroso, me sinto sujo, me sinto péssimo. Peço perdão a Deus a todo momento mas n me sinto menos culpado. Quero me purificar e não sei como. Estou desesperado, n sou homossexual só quero constituir família. Por favor, me ajude.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro;

      Pecado é pecado. Não há diferença. O que difere é sua intervenção na nossa mente e vida. No seu caso, este o abalou ao ponto de não se sentir perdoado. Acredite: Se você se arrependeu com certeza já está perdoado. Remorso não deve ser confundido com falta de perdão. O que oriento? Vamos lá:

      1- Ore a Deus (orar não é rezar. Orar é diálogo. Fale o que pensa, afinal, Ele já sabe...);

      2- Procure se fortalecer contra este erro;

      3- Evite contar isso aos outros para não se expor. Isso pode ser a pior coisa que fará. Mas caso venha a sentir necessidade de desabafar conte para uma pessoa de EXTREMA confiança;

      4- Descanse no Senhor e volte a viver como era;

      Um abraço e sucesso. Deus é infinitamente Amor e Compaixão. Ele possui empatia suficiente para o compreender.

      Excluir
    2. Muito obrigado. Eu realmente me sinto péssimo. Foi algo muito ruim e estranho. Ás vezes não tenho certeza se isso aconteceu mesmo ou não.
      O Senhor tem.razão, sinto remorso como se tivesse fracassado na minha missão a qual sempre foi muito clara pra mim: agregar, proteger e cuidar da família e do próximo, sendo cristão nas atitudes.
      Por um momento me sinto sem propósito.
      Muito obrigado pelo conselho.
      Deus certamente tem muito orgulho do papel que o senhor exerce.

      Excluir
    3. Por nada. Isso é minha obrigação. Estou orando por você aqui ok? Lembre-se: Deus é seu advogado e comprou sua causa antes mesmo dela acontecer. Siga-o e será feliz.

      Um abração

      Excluir
  54. O pecado da traiçao no namoro é o mesmo pecado que a traiçao no casamento ?

    ResponderExcluir
  55. O pecado da traiçao do namoro é menor do que o da traiçao do casamento ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pecado é pecado. Não existe maior nem menor. São a mesma coisa. Agora as consequências...

      Desejar matar uma pessoa e matar uma pessoa: Ambos são pecado. Agora de fato ir lá e matar com certeza gerará mais dor de cabeça que apenas desejar...

      Excluir
  56. Ola, boa tarde! Tenho um relacionamento de 4 anos, com varias idas e vindas! Ha dois anos voltamos e resilvemos que iriamos casar dessa vez! Mas agr ele me traiu e ele msm me contou, o que eu faco? Ele disse que esta arrependido , que não queria fazer, só que não e a primeira vez que ele me decepciona!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Leia os comentários acima. Pode ser que eles a ajudem.

      Abraço e que Deus abençoe

      Excluir
  57. ola carlos , entao se voce mentir por coisa boba , na hora do julgamento o pecado da mentira vai afetar a mesma coisa que se você traísse em um casamento ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Basicamente isso. Mas vale ressaltar que quando há arrependimento da sua parte Deus não mais se lembrará de seus pecados. Nem mesmo no Dia do Julgamento.

      Abração

      Excluir
  58. Bom no inicio de namoro eu tinha traido meu namorado mais não foi nada serio só houve uns beijo com um ficante meu antigo.. Depois de um tempo falei com meu namorado atual ele min perdoou enfim do nada mim envolvido com outra pessoa que rolou tudo !! Queria sentir prazer em outra forma !! Emfim e to arrependida. E não sei o que faco eu amo ele e sei que ele mim ama tbm o trai porque estava no momento delicado e do nada aconteceu o que eu faco não tenho mais coragem de comentar com ele do que eu fiz !!

    ResponderExcluir
  59. Então se eu trair no casamento existe perdão para deus , indo pra igreja certinho ou me batizando ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre há perdão para o arrependido... até o Dia da Vinda de Cristo. Após este dia, arrepender será tarde.

      Excluir
  60. Boa noite

    Tenho um relacionamento de 7 anos, sou noiva, inicialmente éramos evangélicos os dois, mas há 3 anos nos afastamos do caminho do senhor, e durante esses 3 anos afastada eu o trai várias vezes c vários homens , Sem sentir culpa pois quando éramos evangélicos ele me traiu me contou , e eu o perdoei, na época foi muito importante P ele pois eu o ajudei muito, quando todos o condenavam eu o perdoei de coração, mas quando sai da igreja me revoltei , e trai sem culpa nenhuma.
    Recentemente nos voltamos para a igreja , os dois, me arrependo de todo o mal q fiz quando estava fora dos caminhos do senhor, me ardendo msm de todo o meu coração,
    Só que uma dúvida me persegue , devo ou não contar a ele?
    Infelizmente não tenho com quem conversar pois sou nova nessa igreja e não conheço as pessoas direito,
    Sinto q se eu contar a ele, ele não vai me perdoar,

    É justamente agr ele está falando em casamento , e tAl.
    Pois isso é uma coisa q sempre levamos a sério mesmo estando afastados da igreja, ou seja : nos ainda não temos relação sexual, ainda sou virgem, pois isso é uma coisa que nos dois decidimos Idependente de estar na igreja ou não, isso sempre foi uma coisa que nós temos com Deus!!! Como um acordo entre eu e meu noivo.

    Sinceramente não sei oq fazer!!
    Sinto vontade de contar P ele
    Mas tenho muito medo de perdê-lo
    Não tenho dúvidas que nossa relação é de Deus!
    Eu que errei e me arrependo muito disso!!


    Oq eu faço??!! ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Sinto em lhe dizer mas você não o perdoou de coração. Se assim tivesse feito mesmo desviada dos caminhos ainda teria o coração voltado a este perdão que foi coisa sua. Fato é que você fala que o traiu tempos depois sem sentir culpa alguma. Ora, então não foi perdão de coração.

      Quanto a contar ou não é algo delicado. Se fosse uma traição simples isso seria fácil de contar. Mas você o traiu inúmeras vezes o que põe seu caráter em jogo. Ele perceberá que você foi falsa com ele por um longo período de tempo e que o respeito por tempos não existia. Ele perceberá o quanto houve falsidade e o quanto isso é desde já significativo para o futuro. Como casar com quem a tempos praticou tal coisa.

      Sei que estas palavras são pesadas. Apesar de saber que está arrependida e perdoada por Deus isso não mudará as consequências de suas escolhas passadas que deixam marcas hoje. O que aconselho:

      1- Ore a Deus todos os dias de forma sincera. Converse com Ele. Peça forças e estratégias a Ele e confie no melhor sugerido por Ele m seu coração.

      2- Procure uma pessoa cristã de confiança e que seja sua amiga (o) para desabafar o ocorrido. Isso lhe ajudará com o fardo que com certeza é pesado.

      3- Não aja por impulso. Espere o momento certo.

      4- Leia a Bíblia e em especial os Evangelhos. Medite no Sermão do Monte.

      5- Confie que ainda que não seja o desfecho esperado as atitudes tomadas com direcionamento divino são as melhores possíveis. Descanse Nele.

      Um abração e que o sucesso seja rápido e eficaz

      Excluir
  61. Boa noite. Estou precisando muito de ajuda.
    Tenho um relacionamento de 4 anos e a 6 meses noivamos. Ouve um tempo antes do noivado que nos "afastamos" estavamos brigando muito, ele me traiu e eu descobri, terminamos o namoro. Por amar muito ele perdoei e voltei, depois de uns meses noivamos. Quando foi agora vi uma mensagem dessa moça que ele me traiu no celular dele... Enfim, fui atrás dela pra saber da verdade, ela me disse que a única vez que aconteceu algo entre eles foi nessa época. Mas não consigo acreditar, ele me jurou que não teve nada com ela mais e que fez uma aliança com Deus, para que Deus o ajudasse a nunca mais me trair, que ele me amava muito e não queria me perder. Não sei o que fazer, se vou atrás para saber se é verdade ou se termino com ele. Não quero terminar, amo ele demais e ele foi meu primeiro homem. Quero constituir familia com ele. Desde então não consigo ser a mesma com ele e choro muito, quase todos os dias. Orei e pedi direção a Deus, que se fosse da vontade dEle nossa uniao que o transformasse. Sou da assembléia e ele testemunha de Jeová, ambos desviados. Quero muito voltar para a igreja com ele. Preciso de um conselho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha cara;

      Infelizmente quando se há desconfiança é algo difícil de se vencer ou anular. No seu caso, tal desconfiança está fundada em algo sólido e que retorna em mensagem de celular. Deus tem te concedido a oportunidade de conhecê-lo tal como é e sua história. Talvez esta mensagem não seja algo de traição mas está extremamente ligada a isso. Além disso tem o fato de vocês terem crenças diferenciadas sobre Deus, o que complica mesmo se os dois estiverem na igreja.

      Continue orando a Deus e seja ponderada em suas escolhas. Infelizmente ninguém tem a resposta direta para seu caso e nem vai ter já que isso é escolha de vocês dois. Dizer sim ou não para o relacionamento é uma escolha que deve partir de seus corações.

      Agora, se você tem tanta desconfiança pague um detetive para isso. Com certeza você descansará nas descobertas ainda que sejam ruins (traições por exemplo). Tal ação é difícil mas é de grande valia. Aliviará seu coraçõ e talvez esta desconfiança sumirá.

      Um abraço e que Cristo os assista nesta luta

      Excluir
  62. Carlos por favor me ajude (é serio)

    Tive muitas mulheres até que finalmente achei uma que Amo de um jeito inexplicável
    com ela quero ter filhos ficar velhinho ao lado dela
    temos um relacionamento perfeito Amo minha pequena de mais
    graças a Deus NUNCA BRIGAMOS parece inacreditável
    (ela é perfeita de mais pra mim)

    Porém Tenho uma Vontade de PRAZER pelas mulheres ENORME
    NÃO quero trair. mas nao consigo me segurar, meu corpo pede de mais...

    Não bebo
    Nao me masturbo
    Nao vejo pornografia.
    Tento evitar ao maximo perder o controle

    mas cada dia a vontade ta GRITANDO mais alto e nao passa só acumula ;(
    (Ter relação só com minha mulher nao passa a vontade)
    É como beber agua para matar a fome

    Minha mente fica poluída só de desejos
    por mais que eu tente queira nao consigo tirar os desejos da cabeça

    me ajuda antes que eu faca uma burrada e perca a mulher da minha vida
    (sempre tem uma mulher me rodeando nao importa onde eu vá sempre acho uma)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá meu caro;

      Seu caso é comum demais... conheço muita gente assim só que nem todos falam isso, pois é um Tabú ainda. Mas acredito que duas medidas radicais devem ser tomadas para que seu casamento não vá para o buraco. Vamos a elas:

      1- Procure um psicólogo: Talvez pareça absurdo mas isso pode ser algo das suas ideias que não se conectam e criam este bloqueio. Ao conversar com o psicólogo este irá trazer à tona as dificuldades que você tem e assim será melhor para lutar contra;

      2- Jejue: Esta deve ser a pior das medidas mas é ótima! Jejum não se faz apenas com comida. (para entender melhor sobre jejum leia o artigo: http://cristaoshoje.blogspot.com.br/2010/12/o-jejum-afinal-qual-sua-fun%C3%A7%C3%A3o-para-que.html ). Um jejum interessante é você orar por 10 minutos a respeito deste problema todas as vezes que vier à sua cabeça o que você propôs a jejuar. Se você fizer um jejum de TV por exemplo, todas as vezes que vier o desejo de assistir TV você deixa de assistir e imediatamente começa a orar por este problema. Isso não só será bom espiritualmente como também pedagogicamente. Será uma reeducação para você.

      Agora outras medidas não devem ser descartadas como: Orar sem parar, meditar, ler a Bíblia, fugir da prostituição/fornicação etc e todas as coisas que complementam a vida do cristão.

      Espero ter sido útil

      Um abração

      Excluir
  63. Olá, sou cristão e namoro há 1 ano e meio. E logo quando começamos a namorar eu era muito inocente, ele é meu primeiro namorado, mal andávamos de mãos dadas pois éramos bastante vergonhosos! Nisso eu tinha um melhor amigo de infância, fomos praticamente criados juntos, e éramos melhores amigos desde sempre. Esse meu melhor amigo de infância só confiava em dizer tudo pra mim, mesmo eu sendo mulher. Ele nunca beijou nenhuma menina e ele também é cristão. Um dia ele se apaixonou por uma menina, só que ele vinha me falar dela, só que não sabia puxar assuntou com ela, não sabia chegar nela e tal e ele se sentia muito mal por não fazer isso (pode ate soar ilário isso, "um menino não saber beijar") mas foi o caso dele, ele não sabia, e ele me procurou para pedir ajudar por causa disso. Ele queria que eu o ensinasse a tratar ela e a beijar. Ele estava muito triste e como ele era como um irmão pra mim eu aceitei ajudá-lo. Eu dei um beijo tecnico nele e fui ensinando e aconselhando a ele como ser com a menina e tal. Esse dia passou e na mesma semana eu comecei a refletir no que eu tinha feito, eu sabia que não podia mas minha intenção não havia malícia alguma, era apenas de ajudá-lo. Comecei a chorar, pedi perdão a Deus, pois realmente se eu pudesse voltar ao tempo eu não faria isso. Ao passar do tempo esqueci isso, me mudei e acabei me afastando bastante desse meu melhor amigo. Quando foi agora recentemente eu comecei a lembrar disse, e ficar angustiada, era como se eu tivesse mentindo pro meu namorado, eu chorava ficava angustiada, pedia perdão a Deus varias vezes de coração por um coisa que eu fiz 1 ano e pouco atras, mas ainda lembro quase todos os dias e fico bastante triste :/ e quando eu fico eu começo a orar e ler a biblia e pedindo a Deus para que tire isso dos meu pensamentos! é como se eu tivesse com a consciencia pesada sabe?! e se eu contar a meu namorado com certeza ele não vai me entender e irá terminar comigo. Eu esqueço e fico lembrando. Tenho medo de um dia me casar com ele e ter consequencia no casamento. É o caso? oq faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Infelizmente nem tudo que fazemos de errado (se é que foi errado!!!) podemos contar para os outros. Agora o que lhe cabe é perceber uma coisa: Deus já a perdoou. Vença esta seta maligna que a acusa. Isso não provém de Deus. Outra coisa é superar o pecado e não esquecer o pecado. Não se deve esquecer o que fazemos e sim superar para que não caiamos de novo no mesmo erro.

      Quanto ao seu amigo, volte até ele e converse sobre o que aconteceu com você. Se você ver um pecado nisso peça perdão e se conserte com ele. Volte às boas em sua amizade. Já quanto ao seu namoro, este se tornará sadio novamente quando vencer este turbilhão de acusações que vêm até você. Ore a Deus para que se for preciso você venha a contar a ele. Mas só conte se não mais puder segurar. Acredite: Melhor uma consciência tranquila que máscaras bonitas.

      No mais um abração

      Excluir
  64. Mas tanto por mim quanto pra meu amigo não houve malícia, nos considerávamos irmãos. Ele nem lembra mais disso e eu não comentei com ele que lembrava. Noo falamos normalmente, só que eu lembro as vezes sabe, seria errado se eu n contasse a meu namorado? Ou teríamos um casamento ruim por conta disso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que vocês não pecaram, mas meditando ontem à noite no seu problema cheguei a uma conclusão (minha claro): A sociedade prega certas coisas que nos passam despercebidas e como algo inocente. Um exemplo é esse negócio de "beijo técnico". Existem atores que adotam o "sexo técnico" e outros adotam o "orgasmo técnico" com sêmen e tudo. Desculpe por estas palavras, sei que são pesadas... mas digo isso porque quero salientar o perigo que vivemos quando adotamos certas atitudes que para nós são passivas e que na verdade não o são. Tanto que isso é verdade que você hoje sofre por causa disso e duvido que você fará de novo isso. Esse negócio de "algo técnico" antes era loucura e hoje se passa como algo simples e aceitável... daqui uns dias pessoas farão "sexo técnico" só para lecionar posições aos menos informados... Isso é algo complicado, nocivo e destrutivo pois anula valores cristãos que podem fazer ruir boas conquistas e caminhadas.

      Quanto a um futuro casamento eu digo o seguinte: AINDA NÃO CONTE AO SEU NAMORADO. Primeiro ore a Deus por respostas e opções de ação ante isso. Medite também na sua vida futura. Perscrute todos os caminhos durante esta meditação. Ore a Deus de novo. Talvez isso leve meses, ou quem sabe, dias. Só depois conte seu caso a ele (caso não sinta que deva ser segredo). É como falei no comentário anterior: uma consciência limpa vale muito! E lembre-se: Deus já a perdoou. Talvez falte apenas você se perdoar e aprender e lidar com a consequência desta ação daqui para frente!

      Abração

      P.S.: Caso queira comentar algo mais fique à vontade

      Excluir
  65. Meu namorado me traiu , na verdade não foi nem de beijo foi apenas carícias que a ex dele forçou e ele diz que arrependeu eu acredito nele e sei que rlrt me ama tanto e que foi sincero comigo e chorou muito, mas essa menina que morava em outro pais se mudou pra CA, e não consigo controla o ciumes e as vezes vem um pensamento "sera que ele pensa nela" "sera que sente alguma coisa " e isso me doi muito ,isso causa brigas e tenho medo de acabar com nosso relacionamento apesar de nos amarmos muito, oque devo fazer?Não quero ser egoísta pq antes de estar com ele fiquei com um menino que namora e me arrependi de verdade e sei que Deus me perdoou mas por ter me dado com isso as vezes penso de todo homem ser igual , seila ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Primeiramente você deve entender que há diferença entre paixão e amor. O verdadeiro amor lança fora todo medo e este medo que você tem não confere com o amor que você diz ter por ele. Já o ciúmes é algo aceitável, desde que não alcance níveis extremados, como por exemplo ficar cogitando o que o outro pensa e ainda brigar por causa disso.

      Ou seja: você deve orar a Deus para que seu ciúmes se dissipe e que o verdadeiro amor nasça em seu relacionamento. Infelizmente amar é dar a faca para seu amado e virar as costas. Amar é confiar e se entregar. Se houver traição será da parte dele.

      Abraço

      Excluir
  66. Dá pra viver um relacionamento saudável e feliz depois de haver uma traição?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Eu particularmente conheço 3 casais que vivem felizes! Entretanto não posso negar que a maioria se separa mesmo tentando voltar às boas...

      Excluir
  67. Olá, sou Cristã e Levita... Mas de uns tempos pra cá tive um afastamento muito grande em questão de comunhão com Deus e conflitos entre meu namorado e eu. Eu tenho um amigo muito próximo, ele mora um pouco longe por isso nos comunicamos mais pela internet, mas na vez que nos vimos, sentimos uma atração muito forte e quase inaguentável, acabou que nos beijamos. É horrível ter que pensar nisso, mas como se não bastasse, eu vi ele a pouco tempo e acabou que aconteceu outra vez. Não me refiro a relações sexuais, me refiro apenas à beijos. Mas isso tem me matado por dentro, meu namorado não merece isso e nunca mereceu. Quase terminamos a um tempo atrás por motivos particulares, e eu pude sentir o quão desesperada fiquei em pensar que ia definitivamente perde-lo. Mas eu sinto algo por esse meu amigo, e eu ODEIO isso! Como eu queria me livrar. Pois como pode alguém dividir seu coração entre duas pessoas? Eu quero o meu namorado mais que tudo, quero casar, ter filhos com ele, ter nosso ministério juntos, servir a Deus em santidade, mas este sentimento que meu amigo também diz sentir por mim tem me perseguido. Ele sofre por eu não poder ficar com ele, e eu INFELIZMENTE me importo, mas queria TANTO não fazer mais isso. Meu coração está amargurado, a cada dia mais e mais. Eu preciso manter a fidelidade, eu preciso de uma ajuda urgente, já não consigo mais nem orar, pois sinto vergonha diante de Deus. Oque eu faço sobre todas essas coisas que contei? Eu não suportaria dizer ao meu namorado e perdê-lo, mas também me sinto sem saída, não quero que Deus nos separe, estou temendo muito a isso. Oque eu faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha cara;

      Relacionamento é escolha. Decida a sua escolha. Se é pelo namorado descarte o outro. Não tenha dó. Tenha convicções. Ore a Deus, arrependa e então aceite o perdão de Deus.

      Aconselho ler alguns comentários acima. Eles irão lhe ajudar.

      Abração

      Excluir
  68. Bom, trai minha namorada, namoro a 6 meses com ela, só que à distancia, pois faço faculdade em outra cidade muito longe, e nos vemos duas vezes ao ano, estou amargamente arrependido, não consegui controlar meus impulsos, eu amo ela demais, e sei q é com ela que quero me casar, devo ou não contar? Já pedi perdão a Deus, mas quanto a minha consciência como devo proceder, sei que se contar ela não vai querer mais ficar comigo... Estou desesperado... Devo conter esse caso somente comigo ou devo contar... Estou muito arrependido, não imaginava que teria tanto medo de perde lá como estou agora,.. Por favor me ajude...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá meu caro;

      Acredito que a leitura dos comentários acima lhe serão de grande valia. Existem neles as mesmas dificuldades que vc enfrenta. Leia-os e siga os passos que Deus lhe tocar no coração para seguir.

      Att

      Excluir
  69. Nossa, eu comecei a ler estas postagens nesse site faz uma semana.excelente

    ResponderExcluir
  70. Amigo, olá.eu e minha namorada estamos juntos a 1 ano e 6 meses.sou o primeiro namorado dela.ela é muito apegada comigo.e eu amo isso e por isso nunca a traí.porem pra mim namorar com ela foi uma luta.nosso namoro é cristão.no inicio ela terminou pois gostava de mim como amigo.depois eu insisti e retornamos.aí ficamos distantes e resolvi terminar(pois no fundo eu acho que era o que ela queria).ae depois de um tempo eu me arrependi e voltamos definitivamente.porem não engulo uma coisa:no começo do namoro ela disse que o chefe dela beijou ela.disse que ele tirou o óculos dela e beijou forçado, sendo que ela tem 20 anos.não acredito nisso e nunca acreditei.não tenho coragem de perguntar pois faz muito tempo(1 ano e pouco).será que isso foi verdade.ela só me contou porque eu liguei pra ela na época.será que ela é apegada comigo porque eu apoiei ela nesse momento?enfim.agradeço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Seu caso é um pouco mais complexo pois necessita para o conselheiro mais informações não só vindas de você mas dela também. No caso seria interessante você procurar um ótimo amigo e que tenha vida cristã exemplar para que ele acompanhe seu caso. Será necessário mais informações sobre o seu relacionamento.

      De antemão aconselho oração e leitura diária da Bíblia, já que o Espírito Santo nos consola e orienta da Justiça de Deus (que está na Bíblia0 para que nossa caminhada não seja um suplício. Ame acima de tudo e aja em amor.

      Um abraço e que Deus aja da forma Dele!

      Excluir
  71. Boa tarde eu trai minha namorada e de tanto arrependimento eu terminei nosso relacionamento estou sofrendo muito mas vc acha q eu fiz o certo de afastar ela de um pecador como eu?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado;

      A primeira coisa que um pecador deve fazer é arrepender-se. Afastar é uma iniciativa que depende muito do andar da situação. O certo é você se arrepender, confessar seu pecado a ela (se possível e se achar conveniente, não provocando outra situação mais complicada), não mais cometer esse erro e depois caminharem juntos novamente se possível. O perdão e arrependimento devem sobressair à covardia, entenda isso.

      Abraço

      Excluir
  72. Pfvr me ajude..
    Eu sou cristã, amo à Deus mais que tudo mas ultimamente não estou indo a igreja por falta de oportunidade.. Então, eu estou ficando com um menino faz 5 meses e ele tem namorada,eles namoram à 7 anos. Antes de completar 2 meses tive relação sexual com ele, no começo me arrependi depois eu fui acostumando, eu gosto muito dele e ele fala que gosta muito de mim também só que ele diz que não consegue terminar com a namorada dele pq tem medo de magoa-la e tbm ela não deixa ele terminar.. Mas eu acho que ele ama ela e não quer terminar e sim ficar comg e com ela. E eu saio escondido pra ficar com ele, e nisso minha mãe acabou descobrindo e ela ta muito magoada e triste.. Eu não sei oq fazer, não quero precionar ele, mas ele ta demorando muito a decidir e quero logo ter um relacionamento serio com ele aí sim minha mãe deixa.. Pfvr me ajude, oq devo fazer?????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou ser direto: Termine isso! Isso é errado! Além do mais, como confiar nele se ele trai a oficial com você? Esse negócio de não querer magoar é algo dito e não considerado. Se fosse essa a preocupação a traição não aconteceria. Sendo assim, o que fazer? Termine isso e se arrependa do pecado!

      Att

      Excluir
  73. Boa tarde irmão, estou em um namoro vai fazer 2 anos e ha 7 meses atras meu namorado quis terminar comigo, sem motivos e ficava me pedindo desculpas ate que passar de uns dias me revelou algo que até hoje me dói, me entristece, pois peço a Deus dicernimento mas não sei o que fazer. Quando nos conhecemos ele tinha uma namorada que estava a 7 anos, mas disse que não mais estavam dando certo, eles terminaram... E nos começamos a namorar, e com um ano e pouco de namoro ele quis terminar... E depois de tanto pedir essas desculpas me contou que essa ex que é vizinha dele esteve na casa dele há dois meses atrás naquela época e ele disse que não estava bem comigo e não sabe o que aconteceu ele ficou com ela e ela foi lá contar que esta grávida.. E eu tinha ciumes por isso por ela ser vizinha, por ser uma ex que morava tao perto.. Mas eu acreditei nele.. Esse mês de abril ela esta para dar a luz de um filho com ele.. E eu quando ele me contou isso dei um tempo mas não sabia como agir falei que ficaria com ele que ajudaria pq ele se disse arrependido , e eu fiquei pensansdo se ate Deus perdoa quem sou eu pra não perdoar ? Minha dúvida é que posso perdoar mas não sou Deus pra saber se essa ligação dele entre o filho pode me gerar mais dor e decepção futura. Eu tenho orado, mas não sei como fazer pois tenho medo de terminar e me arrepender.. Pq as vezes errando ele podia ser um homem bem melhor pois tem consciência.. Ou então já que errou e passou, continuar no erro , qual seu conselho ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perdoar é uma coisa. Continuar com ele é outra totalmente diferente. O fato de perdoar não deve estar associado ao namoro que porventura continuará.

      Não sei se você sabe ou entende assim, mas o tempo do namoro é um tempo para que você conheça o seu cônjuge buscando evitar certas dores de cabeças futuras. E creio que você já tem visto isso. Às vezes pedimos a Deus que nos dê uma visão, uma luz, quando já temos um SOL brilhando em nossa caminhada. Não estou dizendo que você deva terminar, mas ao menos pondere sobre o caráter que ele já tem deixado à mostra para você. Esse negócio de trair dizendo que "não sabe o que aconteceu" isso é papo furado.

      O meu conselho: Cuidado com as vontades passageiras do seu coração, estas podem te levar à ruína.

      Excluir
  74. Trai minha namorada e não acho legal contar pra ela pois ela já passou uma grande decepção antes,quero mudar e não errar com ela pois ela foi um grande presente de Deus,será que Deus irar entender por que não conto pra ela?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom. Ele é Deus né... possivelmente tem poder e interesse para entender...

      Excluir
  75. Olá Carlos tenho 19 anos. Tenho uma namorada com 17 anos, e a amo muito, já passamos por várias situações boas e ruins juntos, confio muito nela, e ela muito em mim. Há um ano seus pais se separaram por causa de uma traição, e eu a ajudei, dei apoio nessa situação. Alguns meses atrás, me mudei, pra um outro estado. Desde a adolescência, carreguei comigo a masturbação e pornografia, e era adepto a bate papos virtuais. E cheguei aqui, ainda nesse estado. Eu não orava, não lia a bíblia, estava nisso a muito tempo, ia à igreja apenas por ir. Ao chegar aqui, experimentei de uma certa "liberdade", totalmente falsa, e logo nos primeiros dias cometi o pecado de trai-la, e ainda por cima, com homossexualismo, na hora me veio um pensamento de que isso não seria traição. Logo ao decorrer da traição, tive o sentimento de repulsa, mas aconteceu o sexo oral, e me arrependi no meio disso tudo, e não segui em frente. Logo após isso, tive um completo sentimento de nojo de mim mesmo e vergonha. Cara, eu parei de me alimentar direito, não saio de casa praticamente o dia todo pois estou com medo. Isso já faz 2 meses, e todos os dias eu choro, pedindo pra Deus tirar de mim esse sentimento e pedindo o perdão. Quando vejo fotos do nosso passado, ou lembro de algo bom que aconteceu, ou quando ela me trata bem, só me vem um sentimento de que não mereço ela. Qualquer assunto que vejo de alguém falando sobre traição, isso também me incomoda. Parece que estou sendo hipócrita, não sei. Eu acho que não conseguiria contar uma traição normal, muito menos uma desse jeito que aconteceu. Tenho muita vontade de casar com ela, e ter uma família abençoada, é meu maior sonho. Tenho orado, e lido a bíblia todos os dias agora, posso dizer que mudei completamente meu modo de enxergar o sexo. Tenho medo de levar isso pro meu casamento cara. Desculpa pelo desabafo, estou bem desesperado mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro;

      Não sei se você frequenta uma igreja. Caso frequente recomendo você procurar alguém de confiança e pedir um contato com um psicólogo de confiança e cristão. Seu caso será melhor resolvido assim. Por que recomendo um psicólogo? Basicamente por dois motivos: (1) ninguém chega a se envolver homossexualmente do nada. Isso é um processo. E neste processo, ao se envolver, você passou a sentir nojo de si próprio. Ao sentir esse nojo (2) você passou a não ter controle racional e emocional da situação.

      Agora, seu psicólogo deve ser cristão, já que questões sobre homossexualidade hoje são tratadas como algo aceitável e normal. Um psicólogo cristão não apoiará essa escolha. Ele caminhará contigo outras opções para sua própria escolha, além de devolvê-lo seu controle racional e emocional.

      No mais, continue lendo a Bíblia, orando e evite falar disso com qualquer um. Fale somente e se achar extremamente necessário e de preferência quando estiver centrado novamente. Não se exponha pois o homem é mal e isso pode o prejudicar.

      Um abraço

      CHAGAS

      Excluir
    2. Obrigado pela resposta Carlos, mas para você, o que deveria fazer em relação ao namoro? Daqui a alguns meses completamos mais um ano que estamos juntos. Sinto por ela o que nunca senti por ninguém. Tenho medo de ficar com a consciência pesada, e abalar a confiança dela por mim. Ainda é cedo, eu sei, mas ambos queremos algo sério, e planejamos nos casar daqui a poucos anos..

      Excluir
    3. Acho que você deveria se recompor do seu trauma e erro. Quando estiver estabelecido você saberá se deve ou não contar a ela. E lembre-se: Contar a ela pode trazer ou não o término do namoro.

      Att

      Excluir
  76. Olá eu beijei uma guria que não é da igreja, isso é pecado para disciplinar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Essa disciplina na qual se refere é coisa de igreja. Como cada igreja tem seu regimento interno não me cabe responder isso.

      A você pergunto: "Com qual intenção você a beijou? Foi para o bem de ambos ou não?" Caso tenha sido na melhor das intenções não houve pecado (no meu ponto de vista), apesar de que namorar pessoas de fé diferente geralmente traz complicações ministeriais para o crente. Agora se houve pecado, arrependa-se, vá e não peques mais.

      Excluir
  77. Olá Carlos, tenho 21 anos e a menos de 1 mês descobri que minha namorada havia me traído, terminei meu relacionamento antes de completarmos 1 ano de namoro, gosto muito dela mas meu orgulho me consome, todo dia penso em ligar pra dizer que à perdôo mas penso no que eu sofri esses últimos dias. Tô querendo buscar uma resposta de Deus apesar de estar afastado da igreja a algum tempo. Penso muito no que os meus familiares vão dizer se eu voltar com ela, isso dificulta muito minha escolha. Por favor, o que devo fazer??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro;

      Para perdoar não é necessário orações e jejuns... ligue e perdoe. Quanto ao voltar com o relacionamento aí sim é necessário melhor posicionamento. Quanto a este último, aguarde o momento em que você estiver raciocinando melhor e com o "pé no chão" para tomar uma decisão certa.

      Lembre-se: Perdoar é necessário. Mas para que o perdão surta efeito ela também deve estar arrependida e demonstrar o desejo que você a perdoe.

      Abração

      Excluir
  78. Pastor namoro há quatro anos ! quando Conheci meu namorado eu e ele estávamos afastados do corpo de Cristo ! Ele me traiu várias vezes e eu o perdoei sempre achando que ele mudaria ! Voltei pra Cristo ano passado pedi p ele voltar tmb ...e assim o fez, porém descobri mais uma traição , ele confessou e eu n consigo perdoar ! Estamos afastados um do outro há 3 meses ... Ele disse q está tentando se firmar em Cristo e q se arrependeu ! Como todas as outras vezes... Mas sinto muita raiva ! Pois sofri muito! Ele diz q agora quer casar e viver só pra mim e pra Cristo ! Diz q está sofrendo pq não consegui perdoá-lo ! N sei o q fazer ! O amo muito sonhei em constituir família c ele ... Mas o fato de ter perdoado tanto e vê-lo me traindo cada vez mais , me tirou a fé e a esperança de um dia vê- lo sendo um homen de Deus , fiel . devo perdoar e voltar e tentar mais uma vez ou devo perdoar e procurar outro ?

    ResponderExcluir
  79. Prezada;

    O tempo de namoro serve para isso mesmo: Conhecer seu(sua) parceiro(a). E você já tem conhecido muito sobre ele. Agora você também conhece ele com e sem Cristo e em todas as opções ele se demonstrou errante e traidor. E se no namoro está assim, sem respeito a você, quanto mais ele pode ser no casamento, onde sempre há um desgaste maior da relação.

    Você deve perdoar sim. Perdão sempre é necessário, mas ele só se sentirá perdoado se ele arrepender. Não há como haver de fato um perdão se não há arrependimento. Entretanto, essa tomada de decisão cabe a ele.

    Outra coisa que você precisa entender é: Perdoar nunca cancela as consequências. Por mais que ele veja e sinta o seu perdão não adianta ele achar que terá uma nova vida conjugal com você. Porque não terá. E talvez a maior consequência disso será o rompimento do relacionamento de vocês por tomada de decisão sua. Continuar ou não com ele é sua escolha. Digo que o tempo de namoro é para conhecimento, e conhecimento é o que você tem dele agora. Escolha sabiamente.

    Detalhe: Caso não escolha continuar com ele, provavelmente ele dirá coisas do tipo "mas agora que estou firmando com Cristo... serei uma pessoa melhor...". Não se deixe levar por promessas. Ninguém vive de futuro. Todos nós vivemos de presente e este bem construído para um bom futuro.

    Abração

    ResponderExcluir
  80. EU trai minha namorada eu devo conta a ela ou ñ devo eu mi arrependi de coraçao mais eu devo conta ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que a leitura dos comentários acima ajudará bastante no seu caso.

      Abraços

      Excluir
  81. Pastor me ajude, eu conheci esse menino em 2007 ele era apaixonadinho por mim somos vizinhos até hoje, quando foi no dia 29 de dezembro de 2013 acabei ficando com ele e continuo até hoje, só qur quando fazia uns 3 meses que já estavamos nessa ele me contou que tinha uma namorada na Igreja dele, eu não me importei e continuei com ele, agora estou me convertendo e estou me sentindo muito mal com tudo que eu fiz, eu não quero mais ficar com ele, mas ele me procura... pedi pra Deus orientação e esta noite tive. Um sonho com ele, a namorada dele e eu, neste sonho eramos amigas e ele não sabia disso, quando ele soube disso resolvi contar a ela toda a verdade que a mais de um ano e meioa gente tinha um caso nisso eu acordei chorando, então me ajude por favor eu devo contar tudo que aconteceu a ela e aos pais dela ou não ? Estou me sentindo horrível com tudo isso... me ajude estou desesperada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Primeiramente acho que seria bom você ler os comentários acima. Muitos passam por isso e talvez nas respostas você pode se orientar melhor.

      Já que você se arrependeu o negócio é não mais "ficar" com o rapaz. Isole-o e deixe claro a ele que você se converteu e que não mais quer se relacionar com ele. De imediato, evite contar à garota já que isso pode se tornar perigoso a vocês.

      Se com o tempo (um bom tempo) ele continuar insistindo aí sim seria interessante tomar medidas mais drásticas.

      Infelizmente o pecado faz isso: Destrói tudo que pode destruir. O que cabe a você agora é viver a nova vida em Cristo lembrando que as coisas velhas se passaram e eis que tudo se fez novo. Abandone o pecado, fuja dele e o mais Deus fará.

      Abração

      Excluir
  82. Zoofilia é pecado ?

    ResponderExcluir
  83. Pastor se você é homem e voce deixa uma cadela lamber seu penis é um pecado muito grave ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amado;

      Todo pecado é grave. Não existe um mais ou menos. A consequência de cada pecado é que surte um efeito grande ou pequeno (roubar um lápis não o condenará aos mesmos anos de reclusão como a prática de roubo a banco).

      Quanto ao se deitar com um animal pense: Deus criou uma mulher para que o homem tivesse uma companheira sexual. Cada animal tem seu par. Para que reverter o quadro? Em Lv 18.23 temos uma advertência para que nenhum homem ou mulher se deite com um animal. Em Rm 1.18-32 Paulo adverte os que se acham sábios mas se tornaram, aos olhos de Deus, loucos, porque perverteram o sentido da criação.

      Todo pecado nasce com a tentativa de se enganar com falsos argumentos. Qual será o argumento de um homem/mulher que pratica a bestialidade? Isso é errado.

      Abraço

      Excluir
  84. Olá pastor.
    Sou Gustavo e namoro uma garota a 1ano, somos evangélicos, amo muito ela sabe, mais acontece que ultimamente eu andei traindo ela, e não foi uma e nem duas vezes não foi apenas só em beijos, Amo muito ela Pastor, não quero perder jamais..
    Não conseguir me arrepender do que fiz, oque Devo fazer chega e conta toda a verdade ou orar e perdir para Deus me libertar? ..
    Temos planos en casar...

    ResponderExcluir
  85. Olá Gustavo;

    Analise se de fato ama ela. Amar alguém não a promove como lixo ou excluída. Amar é colocar acima de tudo. Siga o passo-a-passo: Largue o pecado, se arrependa e depois pense se deve ou não contar a ela. Leia os comentários acima pois serão de grande valia para você.

    Abraço

    ResponderExcluir
  86. Me ajude por favor preciso de um conselho eu amo muito um menino gosto dele tem uns 2 anos mas nunca falei por medo e agora ele ta namorando queria muito me declarar sera que posso me declarar agora ou e melhor esqueçer ele?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ore a Deus para isso lembrando que agora que ele está namorando ele tem um compromisso firmado. Destruí-lo por intenções suas seria um erro, além de pecado. Se você gosta dele mesmo deseje e pratique o bem para ele e não o mal.

      Abração

      Excluir
  87. Oi, estou namorando faz mais de 2anos, não vou atualmente para a igreja mas conheço a palavra de Deus. No início do meu namoro eu estava andando conforme a palavra, e cai em tentação, trai meu namorado, pensei em contar mas como tive sinceros arrependimentos, não contei. Depois de mais de um ano, meu relacionamento estava passando por uma crise e eu estava afastada da igreja então novamente cometi o pecado, E não contei para meu companheiro, de início não me arrependi, mas hoje querendo voltar à igreja eu olho para meu namorado e me aperta o coração, me arrependo mt, pois quero que meu namoro seja cristão, quero um dia me casar com ele. Mas tenho medo de Deus não me perdoar, pois meu namoro não é da igreja, mas quero que seja sabe!?
    Quero que ele se converta novamente, e não sei se oque eu fiz tem perdão, mesmo nos não sendo cristão..
    na bíblia diz que se agt se arrepender de vdd Deus nos perdoa, mas não sei se meu arrependimento é o suficiente, to confusa e mt triste. ��
    me ajuda pfv

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quebrando alguns tabus:

      1- Arrependimento: É o nojo que se tem de uma prática e a vontade de não mais cometê-la e nem de chegar perto. Para um arrependimento genuíno é necessária a tomada de algumas medidas que a deixará mais forte, como andar com o Espírito Santo;

      2- Não existe namoro cristão. Namoro é namoro. A conduta deve ser baseada no Evangelho. O que diz se algo é cristão ou não é a conduta da pessoa. Namorar é tomada de conduta. Namore, mas namore aos moldes do Evangelho de Cristo.

      3- Casamento se dá quando se tem aprovação no namoro, no noivado, etc. Vocês têm sido aprovados? Tirando a questão da traição, os outros quesitos vocês têm observado e cumprido bem? Casamento é coisa séria, comprometimento sério. Não é oba-oba. Não é paixão. É amor.

      4- Existe perdão para estes tipos de pecados. Você não precisa estar em uma igreja. Você NÃO PRECISA de igreja. VOCÊ PRECISAR SER IGREJA. Você precisa dser a noiva do Cordeiro. Noiva se veste de branco, que é sinal de pureza. E só Cristo a torna pura, branca, alva como a neve. Portanto, o perdão de pecados está Nele e com os que estão com Ele.

      Portanto:

      Busque a Deus. Entenda que com Ele é melhor que sem Ele. Pecado é coisa do demônio. Só quem anda com Deus entende isso. Isso talvez faria mais sentido se você estivesse sozinha com uma pessoa possessa de demônios. O que faria? Saiba que isso é real. Mais real que o que está lendo agora. Ser espiritual não é ser de outro mundo, de outra realidade e sim entender que a realidade que vivemos é completa quando vemos juntamente com a fé.

      Grande é o mistério da igreja e Cristo: como que Cristo será esposo de uma igreja que peca? Como você será esposa de um homem o traindo? Largue o pecado, ande com seu (E)esposo.

      Que Deus a fortaleça e a faça feliz.

      Excluir
  88. Ola carlos chagas, eu namoro a 3 anos com uma menina e estou noivo a 2 anos. preciso muito de ajuda, ocorreu um fato que me deixou arrependido e com muita vergonha de mim mesmo, eu estava na casa de uma antiga amiga que eu gostava, eu nunca tinha sentido atraçao por outra mulher desde de que começei a namorar, eu a amo muito, e temos planos pra nossa vida, damos sempre força um ao outro e nos respeitamos muito, bom o fato é que a muito tempo nao havia falado com essa amiga, o senhor é homem e sabe que existe mulher com um tipo de feitiço, estava somente eu e ela na casa dela, e do nada começei a ficar cheio de adrenalina, a tremer e me aproximar, quando notei eu ja estava traindo estava tocando todo o seu corpo e com desejos sexuais, depois ela renunciou ao que eu estava fazendo e eu fui pra casa desesperado e e muito nervoso, acho que foi os meus hormonios, sei que nao chegamos nem a nos beijar, foi uma reaçao rapida, mais trai em pensamento! Eu pedi ajuda divina antes do ato, mas nao me controlei, o pior é que faziam umas tres semanas que eu nao converssava com o senhor, o que devo fazer? Jejum? Oraçoes para que o meu futuro ao lado de minha noiva seja promissor e abençoado? Afabar entre eu e Deus? Ou tudo isso? Faço o que for preciso para ter o perdao de Deus e para nunca mais sentir esse desejo em minha vida, quero amala e respeita-la para sempre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá meu caro;

      Em parte você entendeu a mensagem do Evangelho. Ainda que em pensamento você adulterou. Mas saiba que após arrependido Deus o perdoa. A partir de agora, que este ato, ainda que errado, sirva de orientação para que não mais o cometa. Quanto a contar ou não à sua noiva penso que não é necessário pois você não pecou ao ponto de envolvê-la em uma situação mais constrangedora. Todavia, se passar o tempo e Deus (mas é Deus mesmo) falar em seu coração algo diferente então faça.

      Abração

      Excluir
  89. Oi Carlos
    Namorei cerca de 1 ano e 1 mês, terminei pq quis ficar com outra pessoa, mas certamente NAO FIQUEI. Eu tive a coragem de falar p/ o meu ex o pq de haver terminado, pois ate entao ele nao sabia o motivo. Ele considera isso como traição, mas desde o ano passado (por volta de março, quando terminamos) nao paramos de conversar um com o outro. Somos novos, ele tem 19 e eu 18, estudamos juntos, fazemos tudo juntos qnd se trata de escola. Eu ainda O AMO, me arrependi MUITO de ter terminado com ele, sempre me tratou como uma princesa, fazia tudo por mim. Não consigo me ver com outra pessoa, meus sonhos e planos todos incluem ele. Já orei, choro quase todos os dias até hoje, fiz jejum várias vezes, mas parece que nada muda. Não quero continuar só na amizade, quero algo a mais e ele sabe disso, pois ja deixei o mais claro possível para ele dizendo p/ ele não fazer hora com a minha cara, pois se não quisesse mais nada era só falar. Ele mandou eu esperá-lo, pois estava passando por problemas na família (a irma dele foi traída no casamento e terminou, isso deve ter mexido com a cabeça dele, e talvez esteja c/ medo de acontecer o mesmo c/ ele.), e por querer primeiramente passar na faculdade. Eu estou perdida, eu já sofri as consequências de uma escolha errada, mas parecem q essa angústia não acaba nunca! Não sei o q Deus acha a respeito disso. Depois de tanto orar e jejuar pela vida a dois e nada mudar, isso seria uma forma de Deus dizer q nao é isso o que quer p/ mim? Ou q tudo tem o seu tempo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Acredito que você já tem a resposta para isso. Você sabe o que quer e ele também. Orar pela resposta quando já se tem e não a aceita é o que deve ser questionado. Defina um tempo para que esse "sofrimento" acabe, pois sabemos que as bênçãos de Deus enriquecem e não trazem consigo dores. Defina um tempo e aja.

      Deus abençoe sua caminhada.

      Abração

      Excluir
    2. Pastor,
      Sei q nao compreendemos o agir de Deus. Meu ex havia orado muito p nosso namoro acontecer, e aconteceu. Eu orei muito depois q terminei c/ ele p/ q nada nos separasse esse ano, e estamos muito próximos realmente. Hoje oro pela nossa volta, e é isso q nao entendo. Nada acontece. Não sei se esse pedido de espera da parte dele é verdadeiro ou só enrolação, compreende? Dizem tanto q quando um homem quer, não há nada q o impeça de querer estar c/ a mulher amada. Por que Deus permite q essa confusão toda aconteça?

      Excluir
    3. Talvez você não vá compreender isso que vou dizer agora, mas talvez o tempo explicará. Deus não escolhe ninguém para você. Ele não monta relacionamentos a partir da vontade Dele. Pelo contrário, Ele abençoa a sua escolha. Deus procura abençoar esta relação humana ainda que seja por demais conturbada. Daí alguém vai me dizer: "E Oseias? Deus mandou ele ter com a prostituta..." versículo à parte que eu deveria falar de um contexto histórico e profético que se resume apenas a Oseias. Quanto à sua escolha você tem que entender que um relacionamento entre duas pessoas deve ter o mesmo teor que o de Cristo com sua igreja. Certos momentos o tempo é interessante, plausível e reparador, mas esse negócio de vai e vem é muito estranho. Pense na vida de casados: não importa o que aconteça no fim do dia você deverá ir para a cama dormir ao lado daquele que você brigou. Não existe esse negócio de tempo. Infelizmente hoje em dia, com a entrada de tantas visões humanistas, queremos fazer a leitura da Bíblia e da vontade de Deus à luz do que EU penso e isso acaba sendo nocivo a mim, já que eu descubro um deus criado segundo minha imagem e minha semelhança e não o inverso.

      Infelizmente eu não conheço vocês e não sei da história de vocês e isso me limita a não dizer muitas coisas pois minhas palavras podem não serem muito boas para a ajuda. Entretanto, aconselho que procurem uma pessoa cristã, de referência, que leia a Bíblia constantemente e que seja casada para que a oriente nisso. Saiba que Deus está contigo mesmo no momento de maior dúvida e frustração. Hoje isso parece ser doloroso e sofrimento, mas futuramente, após assimilar a situação, você rirá disso juntamente com nosso Senhor.

      Deus abençoe

      Excluir
  90. Olá. Sou mulher e namoro à distância há 7 meses. Poucos dias antes de completar 6 meses de namoro (data que aguardávamos ansiosamente), traí meu namorado em um momento em que eu não estava lúcida. Saí para a noite com amigos e fiquei muito bêbada. Uma amiga veio dormir na minha casa e acabamos nos beijando, ela também estava bêbada, foi muito provocante e acabamos cedendo a esse impulso, que tenho certeza que foi ocasionado pela bebida, pois não sinto atração por mulheres e uma repulsa e nojo imensos me atingem quando lembro do ocorrido. Dois dias depois viajei para a casa do meu namorado e tentei lidar sozinha com a culpa, mas não consegui, também pelo fato da honestidade e sinceridade serem valores essenciais pra mim. Contei a ele e ele resolveu me perdoar, mas desde então estamos sofrendo muito. Ele me deu outra chance para que eu mudasse meus hábitos (bebidas e festas, inconsequências causadas pela minha pouca idade e imaturidade). Desde o começo do namoro tenho a certeza de que o amo e que ele é a pessoa com quem quero casar, nosso namoro sempre foi incrível até acontecer isso. Pastor, eu não consigo entender o porquê de toda essa situação; minha vida estava maravilhosa com a pessoa que esperei por muito tempo, que me fazia feliz em TODOS os aspectos, sem faltar nada, que sempre me tratou de uma forma incrível e agora tudo isso caiu por terra. Qual a explicação disso? Estou mudando de verdade, me arrependo a cada segundo que passa, passei semanas me sentindo a pessoa mais indigna, culpada e suja do mundo, achei que entraria em depressão, mas hoje sei que Deus me perdoa, e que minha obrigação é fazer o mesmo. Continuamos tentando, e estou fazendo tudo que posso, ele inclusive já reconhece mudanças em meu comportamento, mas ele não sabe se vai superar e se reestruturar. Ele está outra pessoa comigo, impaciente e frio, não sei mais o que é uma palavra de carinho, mas sei que ele me ama porque sempre falou que traição era algo que ele não aceitaria nem perdoaria e mesmo assim me deu essa nova chance, justamente por me amar tanto. De que forma eu posso reconstruir o meu relacionamento e reconquistar a confiança? O que mais quero é ter uma vida com ele, estou com receio de que ele nunca mais volte a ser uma pessoa amorosa comigo. Preciso de uma orientação, agradeço muito a compreensão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezada;

      A explicação para tudo isso é "falta de real entendimento sobre o que é a vida". Hoje em dia, graças ao "isso não tem problema" damos sempre um passo para mais próximo do que não é Evangelho; do que não é a vida. Vamos a alguns deles: Não há problema em estudar, não há problema em pensar esta teoria, não há problema em ser humanista, não há problema em festejar o que há de bom nesta curta passagem de tempo, não há..... e quando vemos, estamos longe do altruísmo, do amor ao próximo, da valorização de tudo de forma justa. Hoje, quando vamos a uma festa, bebida é algo essencial, o "ficar" sem compromissos com outra pessoa é algo "normal", e recentemente o "ficar" com pessoas do mesmo sexo também deve ser algo "normal". Infelizmente é uma somatória de coisas "normais" que acabam criando anormalidades. Você não beijou esta moça só por causa da bebida. Nenhuma ação nasce de algo tão simples assim. Há uma gama de fatores que associados criam essa atmosfera. E esta atmosfera estão tão ampliada que você não se vê segura nos passos. Mas então quais seriam os passos certos a serem dados? Primeiro oração, que é o que creio que você está praticando. Converse com Deus mesmo, mas com sinceridade. Chore se necessário for e acredite que ele está do seu lado de verdade. Após isso recomendo leitura bíblica. Temos Bíblia em casa mas quase sempre não a lemos. Leia, principalmente os Evangelhos. Depois medite no que você leu e orou. Se coloque em situações como se fosse Jesus naquela situação. E lembre-se: O que Jesus ensinou? O que Ele quer de mim? Por fim, pratique o bem. Não vá contra sua consciência e evite abalar a fé dos demais. Procure o bem de todos e promova a paz dentro e fora de você.

      Quanto ao seu namoro, dê tempo a isso. Procure resolver o problema em você primeiro, depois parta para restabelecer isso que foi abalado.

      Abração

      Excluir
  91. a paz pastor,

    preciso muito da sua ajuda, alguns meses atras meu marido descobriu que quando eramos noivos eu acabei me envolvendo por mensagens e acabei dando um beijo em um homem, não era a intensão não aconteceu nenhum ato sexual, vinha de um namoro e noivado conturbado. estou muito arrependida e vivo já 5 meses um inferno na minha vida. meu marido ja me agrediu, fala coisas para me machucar eu nao sei ate quando vou aguentar isso. Já confessei ao meu pastor, nao queria está vivendo isso e nem que ele passasse por isso, mas infelizmente por meu erro eu estou colhendo, meu marido diz que isso tudo ainda é muito pouco para mim. Tem dias que ele fica bem e eu fico feliz, mas tem dias que ele fica mal. Ai só Deus, me ajuda pastor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Primeira coisa que tenho que falar: Se ele a agredir novamente deixe claro a ele que isso é crime e que basta apenas uma denúncia para que ele seja preso e, infelizmente, façam pior com ele na cadeia. Infelizmente isso é inaceitável.

      Quanto à situação, procure ajuda profissional de um psicólogo cristão onde vocês DOIS devem ir para tratamento. No seu caso o tratamento será bom para que você se inteire melhor da situação criada, já que quem não é a vítima do estopim enxergar o problema é difícil. No caso dele a consulta é crucial para que entenda que violência não leva à nada e que, além de crime, só faz por piorar. Desculpe a franqueza, mas esse tipo de conduta temos que ser enérgicos e não abrir mão. Existe lei para esse tipo de violência e ele sabe disso. Deve temer tal lei. Juntamente com isso ele deve temer sua coragem para denunciá-lo se necessário. A consulta também será boa para que ele repouse a poeira que ainda está tapando sua visão. Sua ira é prova de que ainda não se encontrou. O psicólogo cristão ajudará com orações, leitura bíblica e acompanhamento mais de perto do caso. VOCÊ PRECISA DE ALGUÉM QUE ANDE PERTO DE VOCÊS DOIS. E caso a família já saiba da situação, se possível, conte para os familiares mais chegados a real situação. Mas conte só se eles já souberem da traição e se for viável para promover paz e bem.

      Oro por você. Torço pela vitória de ambas. E peço a Deus Justiça, não a nossa, mas a Dele.

      Esteja em Deus. Confie Nele e tudo irá bem.

      Abração

      Excluir
  92. oi pastor, obrigada pelas palavras.
    Como não quero perder meu casamento estou levando isso, apesar da minha mãe não aceitar muito, pois ela sabe do meu sofrimento, eu acredito que eu tenha magoado muito, mas eu todos os dias peço a Deus que isso tudo passe e as vezes só que ele me acusa muito dizendo que eu acabei com a vida dele, me expulsa de casa, mas não tenho coragem de sair por que não é o que eu quero, mas sabe quando vc acha que isso nunca vai passar e as vezes acha que Deus não esta com vc, já pensei até em fazer uma besteira, mas no msm momento eu lembro de Deus. O dificil é ele querer procurar um psicólogo pois ele é orgulhoso. Só Deus para fazer um milagre na minha vida msm!!!

    ResponderExcluir
  93. Pastor, não sei se o você já ajudou algum casal assim. eu fico buscando casos parecido com o meu para ver o que pode ser feito ou se teve final feliz.
    O que eu queria é ter meu casamento de volta. Na verdade antes de ele saber disso, eu já vinha sofrendo pois o casamento nunca foi o que ele quis, ele falava isso pra mim. E nao quero culpa-lo do meu erro mas no período do noivado ele me tratava mal, eu já sabia como ele era, mas achava que com o casamento e consertando as nossas vidas perante Deus ele podia melhorar, mas na verdade como nada fica oculto os olhos de Deus, ele sabe da verdade....me arrependo muito e pelo que ele fala pra mim me deixa muito pra baixo pq ele diz que Deus não pode me perdoar e eu me sinto a pior pecadora do mundo, ele diz que é como se eu tivesse matado uma pessoa o que eu fiz....eu estou muito perdida e ao mesmo tempo que ele não fala nada eu fico com medo o que ele pode está tramando, e vivo mal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso a importância de acompanhamento de uma pessoa de fora. Você já foi violentada, colocada para fora de casa e isso não pode ser aceito senão ele pode achar que não há limites para ele. Me desculpa as palavras duras que coloquei para você, mas tem que ser enérgico em situações como essa. Eu já tive alguns amigos em situações parecidas e alguns deles sofreram demais até que alguém intervisse. No caso destes meus amigos todos precisaram da separação para preservarem a vida. Mas na igreja que frequentei vi casos assim e que deram ótimos resultados. Mas não podemos esperar milagres sem postura. Ainda que essa postura resulte em separação pois mais vale a vida que um casamento de fachada. Você errou em trai-lo, mas pelo que entendi aqui ele erra mais ainda no decorrer de seu casamento. Casamento refere-se à vida, assim como a igreja é esposa de Cristo. E que vida é essa? Aceitar o subjugamento a uma pessoa que não traz humanização ao seu lar? Se ele e você não têm forças para implantar a justiça então que venha por ajuda externa. E o acompanhamento por alguém de fora escutará ambos os lados. Ele precisa revelar a origem de sua raiva e ira para que seja tratado. Ainda que ele não seja cristão isso não é da praxe humana, não é aceitável. Comece hoje essa busca por ajuda e não se intimide pela vergonha, medo ou religiosidade.

      Abraços

      Excluir
  94. Olá, escrevo aqui por que estou me sentindo muito só e precisando orientação, sei que aqui encontrarei um amigo cristão.
    Teho 25 anos, sou um cristão temente a Deus, mas namoro à um ano e sete mêses com uma garota(18 anos) que ainda não é cristã, ela foi algumas vezes comigo à igreja e eu sempre preguei para ela o evangelho e percebia que ela tinha uma certa inclinação ao evangelho, ela não frequentava muito a igreja por seus pais serem de outra religião e a impediam. Sempre respeitei a castidade dela, suportando as tentações, durante todo esse tempo de namoro sempre orei por sua conversão e sempre apresentei o meu namoro diante de Deus.
    Agora começa o grande problema:
    Ontem, estavamos coversando e sem pretenção minha vi uma mensagem do facebook no celular dela, eu não iria olhar, porém percebi que ela ficou nervosa e então deconfiei e olhei a mensagem de um cara em que o assunto me era muito estranho, depois de uma longa conversa ela me confessou que tinha me traído com ele(segundo ela, apenas beijo).
    Meu mundo desabou, a dor é imensa pois a amo muito, mas em nunhum momento me esqueci do Senhor da minha vida. Ela se mostrou profundamente arrependida e se desesperou em lágrimas e disse que se arrependeu no instante em que cometeu este ato(dois meses atrás), mas não teve coragem de me contar.
    Não sei o que faço diante de tudo isso, eu a perdoei, mas não sei se consigo conviver com ela, não sei se devo continuar o namoro.
    Eu só me sentiria seguro se ela se convertesse verdadeiramente à Cristo, pois acredito que ela necessita nascer denovo. Se ela não nascer denovo, vai continuar sendo está pessoa capaz de trair, tendenciosa à enganar quem a ama.
    Por favor me ajude, preciso ouvir alguém... Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Esse é um dos grandes problemas em namoros entre pessoas de crenças e pensamentos adversos. Se em namoros entre pessoas da mesma religião já se tem enormes problemas com traições quanto mais será entre pessoas divergentes em suas religiões. Fico feliz em ver que perdoou e saiba que o perdão não é aprovação do ato e sim absolvição de uma condenação vingativa. Entretanto condenação sempre há para o errante, ainda que não se queira aplicar tal coisa, até porque a humanidade é implacável. Digo que o namoro é tempo de conhecimento da pessoa. Você não conhecerá ela completamente e isso é fato, mas o que é mais latente na pessoa isso sim virá a conhecimento público. E esta traição apareceu. Pode ser que ela não mais o traia para o resto de suas vidas... mas pode ser que volte a trair. O fato é que o que aconteceu lhe trouxe muita experiência e com essa experiência você terá maior habilidade para lidar com a situação. Todavia, aguarde os sentimentos esfriarem em seus ânimos e só assim aja. Peça um tempo para pensar e quando estiver com as faculdades em pleno desenvolvimento faça suas escolhas.

      Que Deus o abençoe e que a Sabedoria repouse em seu ser.

      P.S.: Leia os comentários acima. Muitos já passaram por problemas semelhantes ao seu e o compartilhar da dor pode lhe ajudar na sua dor.

      Excluir
  95. Olá boa noite
    Preciso de uma orientação.
    Sou casada a 5 anos e minha relação com meu esposo é ótima. Porém comecei a trabalhar em um local ótimo, foi Deus mesmo, pois o anterior não me agradava, orei muito e Deus abriu essa porta. Estou a 2 meses nesse emprego porem um funcionário se interessou por mim, tentei evitar mais confesso fui atraída demais e acabei ficando com ele (sem sexo) só beijamos e tal. Sou cristã, confesso q estou fraca, meu esposo não merece isso, maas estou com uma sensação diferente daqui pensei q fosse ter, tenho consciência de q pequei vou ter q pagar por isso, mas estou normal, infelizmente, não entendo quero parar de pensar nisso e tal mas não consigo, mas ao mesmo tempo quero procurar orar mas tenho medo de pedir perdão e talvez fazer Td de novo. Tô em pecado mas como saio dele. Gostaria de me sentir muito pior mas infelizmente tô normal. Me ajuda?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Certa vez um homem colocou um sapo na água morna. Pegou esse vasilhame e colocou no fogo. Acendeu o fogareiro debaixo desse vasilhame de água morna com o sapo dentro e após uns minutos ele percebeu que o sapo havia morrido na água fervente. O homem perguntou a si mesmo: "Como pode o sapo ser tal inocente e não perceber que a água estava se esquentando?"


      Na história acima, se o homem jogasse o sapo na água já fervendo ele se queimaria mas sairia de lá vivo porque a situação mudou radicalmente em curto espaço de tempo. Mas quando ele foi inserido numa realidade que se mudava aos poucos ele descansou. Da história, você está sendo o sapo.

      Você deve procurar se envolver mais com Deus. Deve orar mais, ler mais a Bíblia (ela toda seria ótimo), frequentar mais a igreja, praticar o Evangelho, etc. Ir à igreja lhe dá título de evangélica, mas praticar a vontade de Jesus Cristo lhe dá o título de Filha de Deus. Busque se arrepender. Largue esse rapaz de lado, ainda que perca a amizade. Melhore seu casamento. Seja uma igreja fiel a Cristo.

      P.S.: Converse com um pastor de confiança sobre isso.

      Excluir
  96. Olá pastor. Eu namoro aa 2 anos e pouco. E logo no começo do meu namoro ou eram traições por ambas as partes. Meu namorado me traiu três vezes e nunca me escondeu e eu o perdoei. E logo depois eu acabei o traindo também três vezes. A 1*con meu ex namorado e teve relação. E as outras duas com um amigo e foi só bjos. E a única traição q eu contei p ele foi do meu ex. A outra n contei. E isso já faz mais de um ano. Tenho medo de contar pra ele e ele não me perdoar. Pois estamos planejando nosso casamento. Eu realmente estou muito arrependida. E não sei se devo contar pra ele. Tenho medo dele não me querer mais. Hoje nosso namoro é maravilhoso aprendemos a nos amar de verdade a confiar e a esperar no outro. O que devo fazer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Primeiramente você tem que entender uma coisa: O ato de perdoar e ser perdoado não é para esquecimento e sim para superação. Quem esquece de algo comete novamente, já quem supera lembra-se do erro e não o comete mais. Quando Deus diz que esquece de seu pecado a palavra certa não é no sentido de "apagar a memória" mas de "não mais acusá-lo". Medite nisso.

      Quanto ao casamento e sentimento de culpa oriento o seguinte: Se você realmente (mas se realmente) arrependeu da traição não vejo problemas para o casamento no que se refere à fidelidade por parte de você. Saiba que se você contar suas traições a ele provavelmente ele não continuará com você, seja por incompreensões dele, seja por preconceito, seja por raiva, enfim, corre-se o risco. Todo pecado traz consequências indiferente do perdão ou não. Quando alguém trai seu/sua amado/a ele trai duas pessoas: Deus e seu cônjuge. Deus perdoa no ato do arrependimento mas o ser humano... esse nem sempre. Você precisa se analisar melhor e perceber se de fato arrependeu. Caso seja arrependimento mesmo (certeza de que não quer trair) procure vencer essa necessidade de contar a ele. Caso contrário conte a ele mas com uma pessoa ao seu lado caso ele seja violento. Converse com mais uma pessoa de confiança sua tete a tete, de preferência um pastor. Relate sua luta e seus desejos, assim você terá mais sucesso.

      Abraço

      Excluir
  97. estou namorando vai fazer 9 meses, menina e evangélica certinha da dizimo e tudo vai pra igreja desde pequena,, ela já e convertida ela tem 20 anos,,,eu tenho 24,, mais eu não sou evangélico estou indo com ela faz pouco tempo, mais um dia briguei com ela feio num sabado,, ai acabei indo pro samba e trai ela mais em seguida ja fiquei arrependido,, a gente pretende comprar uma casa e casar,,, eu amo muito ela, e ela me ama muito.... mais não sei se vou fala isso pra ela,,, porque quando a a gente se converte e aceita jesus e desce nas águas deus perdoa todos os pecados sera que eu estou certo ,,pq fiquei com outra pessoa por impulso e por causa de amigos,, e tenho medo agora de perde a pessoa que amo o que eu faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Edson;

      Você tem que observa se vocês venceram esses "embates" que os levam a uma crise e consequentemente ao desrespeito (traição por exemplo). Casamento é coisa séria e este não se sustenta com impulsos tomados a partir de pequenas discussões.

      Quanto a Deus esquecer dos pecados. Sim, ele esquece quando o pecador se dá por arrependido, entretanto, todo pecado traz consequências e essas jamais são retiradas. Exemplo: Adão pecou. Se arrependeu? Parece que sim ao pensarmos que Deus faz para ele roupas de peles de animais - Gn 3.21 - (prelúdio da Lei de Moisés com o sacrifício para expiação) mas ainda sim ele morreu pois quem comesse do fruto morreria. Não digo que você deva ou não contar a ela, mas saiba que mesmo que perdoado o pecado este pode trazer para si situações constrangedoras.

      Abração

      Excluir
    2. pastor...então ta deus perdoou meu pecado.... o que vc quer dizer que o pecado que cometi traz consequências e pode trazer para mim situações constrangedoras,, quer dizer se eu não falar para ela pode acontecer isso conosco como uma punição ou acontecer isso comigo... mesmo eu estando arrependido e deus ter me perdoado..

      Excluir
    3. Veja o caso de Adão. Deus falou para que não comesse do Fruto do Conhecimento do Bem e do Mal. Ele desobedeceu e comeu. Após seu arrependimento Deus o perdoou (chegou a fazer túnicas de peles de animais para o casal) mas a condenação veio: a morte. Todo pecado pode ser perdoado mas a consequência dele é certa. Não veja esta punição como uma "mal de ferro divina" mas como um erro grotesco nosso. Quanto ao falar ou não para ela quero salientar que o ato de falar para ela não amenizará os efeitos do pecado. O ato de falar seria um ato nobre ou um ato desencadeador de mais mal. Cada caso é um caso. Contar para ela pode ser bom se ela e você souberem lidar com a situação, todavia, se não souberem lidar com a informação compartilhada possivelmente terão graves problemas no relacionamento.

      Abração

      Excluir
  98. Boa noite,

    Tenho 18 anos e meu noivo 27 vamos fazer 3 anos juntos dia 13 de dezembro e começamos tudo bem certinho, oramos por 60 dias antes de comerçarmos a namorar até que Deus confirmou e estamos com o casamento marcado para o dia 28 de maio de 2016... Mas nos desviamos e ele começou a fazer coisas que não gosto como beber, me tratar mau e tal... Terminamos várias vezes e todos diziam para eu deixar ele de lado, mas sempre confiei em nosso relacionamento. Sendo que me sentia muito sozinha (não tenho amigas que moram perto) e resolvi fazer um facebook fake, nesse fake tive um namorado, mas não sentia nada por ele na "vida real" mas pegamos intimidades e eu pedi fotos nuas dele e ele as minhas, mandei pra ele e peguei o gosto e mandei pra outras pessoas tbm(sei que é traição) sendo que um desses meninos que mandei a foto postou elas em uma comunidade fake (as fotos nao mostravam meu rosto) sendo que fiquei mt mau mas nessa época nem pensavamos em nos casar...
    Agora voltamos pra igreja e decidimos nos casar mas esse peso na conciencia vem me encomodando, li uns comentários a cima e segui um exemplo que o senhor deu, estabeleci um propósito com Deus por 15 dias e se nesses dias meu coração ficar mais tranquilo não conto. Mas tenho medo pastor , e se esse sentimento continuar, eu o amo muito e não me vejo maos sem ele, só de ver os olhinhos dele brilha do qd fala do casamento sei que ele realmente mudou e eu choro todos os dias por conta disso.
    Tem alguma palavra de conforto?
    Me ajuda?
    Não sei o que faço, só sei chorar e pensar em contar a ele mas sei que ele não vai me perdoar e se ele se separar de mim vou ficar muito, mais muito triste. Me ajuda Pastor. Obrigada...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá;

      Continue com esse seu propósito de 15 dias. Ore a Deus e saiba que o pecado uma vez confessado e arrependido é de fato esquecido por Deus. O que você deve ter em mente é o arrependimento (deixar de praticar de uma vez por todas) de tais coisas. Tudo começa simples: Uma palavra má do namorado, um dia sem ir à igreja, um mês... um ano, bebidas, Face fake, fotinhas sem o rosto... até que sua mente se contaminou juntamente com a alma. Aí se se percebe o quanto afundado na lama do pecado. Não sei se contar a ele surtirá bons efeitos até porque só se conta para o crescimento. Você deve largar de vez o pecado e isso será o maior crescimento. Agora, se é para contar, conte, com a presença de mais um (ou dois) caso corra o risco de haver violência e sabendo que você pode perdê-lo de vez.

      Abração

      Excluir
    2. Obrigada, me ajudou bastante.

      Excluir
    3. Boa noite, eu realmente parei de fazer essas coisas. Estou no terceiro dia do propósito, mas estou muito mau e quero contar pra ele, eu vivo chorando sei que Deus já me deu o perdão e que eu não irei fazer isso nunca mais, mas acho que o meu noivo deve saber eu estou passando mau nesse momento pq quero falar e não sei o que faço. Toda vez que ele fala que sou perfeita pra ele e que ele fala que tem orgulho de mim doi muito no meu coração eu não posso viver assim.
      Me ajuda de novo?

      Excluir
    4. Vanessa;

      É difícil lhe ajudar naquilo que você quer ser ajudada (retirar o fardo dos espólios do pecado). O que posso fazer é aliviar você do ato de carregá-los dizendo que diante disso você tem duas opções: Aprender para melhor ou ignorar pra pior. Acredito que essa dor que você está sentindo é resultado do aprendizado. Continue a caminhada ainda que seus pés firam sabendo que diante de nós está Deus, do qual destilam farturas de suas pegadas (Sl 65.11).

      Excluir
  99. Boa Noite, gostaria de um conselho.
    Tem uma garota que está noiva. Com o passar do tempo fui conhecendo ela e acabei me apaixonando. Eu não consigo parar de pensar nela. Ela n sabe e eu nunca vou contar para ela. N quero perder a confiança dela e estragar nossa amizade. Na biblia diz que: qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura, no coração, já adulterou com ela. Eu estou desobedecendo este mandamento? Meu coração é impuro? O que faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro;

      A ação é simples e complexa ao mesmo tempo. Como você informou, ela por ser comprometida, deixe-a em paz. Não flerte ou tente nada. Siga seu caminho e deixe ela seguir o dela. Simples né? Agora, tirá-la do seu coração é que será o desafio. E isso é que é complexo.

      Às vezes devemos praticar coisas nobres em detrimento de nossos desejos. Isso faz parte do Evangelho.

      Quanto ao fato de estar ou não pecando, Jesus disse que se houver maldade em seu olhar e desejo. Você tem essa maldade? Se sim eu respondo a você: "Sim. Está pecando.".

      Abração

      Excluir
    2. Muito obrigado pelo conselho. Talvez seja mais complexo do que o senhor imagina. Ela trabalha comigo, senta do meu lado e sou o orientador dela. Ela é uma mulher comum, passa despercebida frente as outras. N sei te dizer porque me encantei por ela. Longe de mim flertar com ela. Apesar de n conhecer, respeito o noivo dela. Talvez eu esteja passando por um teste. N sei dizer sobre o que passa no meu coração. Só Deus consegue enxergar.

      Excluir

Não esqueça de comentar esta postagem. Sua opinião é muito importante!